Conecte-se conosco

Serra Negra

Audiência do Plano Diretor ocorre na quinta, 22, em Serra Negra

Publicados

em

A Prefeitura Municipal de Serra Negra convida a população em geral para acompanhar e participar da primeira Audiência Pública da revisão do Plano Diretor e Elaboração da Lei de Uso e Ocupação do Solo do Município. O evento acontece no dia 22, às 19h, em modalidade virtual e também presencial, respeitando os protocolos sanitários de prevenção à Covid19.

O principal objetivo é promover a discussão do diagnóstico do município de Serra Negra, o qual apoiará a revisão do Plano Diretor e a elaboração da Lei de Parcelamento, Zoneamento, Uso e Ocupação do Solo de Serra Negra, que está sendo elaborado em consonância com a empresa GeoBrasilis.

Como participar da reunião – Modalidade Virtual:

O cidadão deve acessar a Página Oficial da Prefeitura no dia e horário mencionados, e encaminhar suas contribuições via comentários ou e-mail: [email protected].

Modalidade Presencial:

Acontecerá no Mercado Cultural (Praça XV de Novembro), com limite máximo de 30 (trinta) pessoas, para que possam ser respeitados os protocolos sanitários de prevenção ao novo coronavírus. Haverá disponibilização de formulários para sugestões.

Será exigida a retirada de senhas nos dias anteriores ao evento (20 e 21 de julho /terça e quarta-feira), no Paço Municipal, das 9h às 16h, no setor do Protocolo.

Serra Negra

Mogi Guaçu e Serra Negra poderão receber Programa Casa da Mulher

Publicados

em

O governo estadual pode ampliar o Programa Casa da Mulher a partir da implantação de unidades em Mogi Guaçu e Serra Negra. Esta iniciativa contempla as Indicações 2945/2022 e 3113/2022, do deputado Edmir Chedid (União), ao governador Rodrigo Garcia (PSDB) e também à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional – responsável pelo Programa.

O Programa Casa da Mulher oferece apoio ao público feminino, por meio de acolhimento psicológico, jurídico e de cursos de formação profissional. “As unidades do Estado oferecem importantes serviços para acolher e atender gratuitamente as mulheres, com foco na cidadania e saúde. Também possui iniciativas de combate à discriminação e à violência”, comenta.

Nas Indicações, Edmir Chedid também lembrou que o Programa oferece orientações e treinamentos sobre empreendedorismo. “Dessa forma, a mulher tem mais uma forma para atingir a independência financeira. As Indicações estão fundamentadas em requerimentos das vereadoras Judite de Oliveira, de Mogi Guaçu, e de Bárbara Magaldi, de Serra Negra”, disse.

O Programa Casa da Mulher é formado por pessoas acima de 14 anos de idade de todas as raças, etnias, gêneros e deficiências, sem a exclusão de nenhuma categoria. Dessa forma, é capaz de promover em nível estadual a inclusão de políticas públicas voltadas para este grupo. “O intuito é de que este Programa possa estar presente em todo o interior paulista”, concluiu.

Continue lendo

Serra Negra

Homem é preso em flagrante com 12 armas, veículos e dinheiro em sítio de Serra Negra

Publicados

em

Polícia Militar e Guarda Municipal localizaram as armas após investigarem o furto de três espingardas e uma pistola de uma fazenda da cidade

Um homem foi preso em flagrante com 12 armas em um sítio de Serra Negra na noite desta quarta-feira, 20. Polícia Militar e Guarda Municipal chegaram ao local enquanto investigavam o furto de três espingardas e uma pistola, subtraídas de uma fazenda da cidade no dia anterior.

Câmeras de segurança da região registraram a passagem de um veículo suspeito e os possíveis ladrões. Quando os agentes chegaram ao endereço, no bairro das Tabaranas, dois homens tentaram fugir por uma área de mata, mas um deles acabou detido.

O suspeito estava com as armas – incluindo as que tinham sido furtadas – munições de vários calibres, uma quantia de R$39 mil em dinheiro e cheques, uma caminhonete e duas motos. O homem e os produtos apreendidos foram encaminhados para a delegacia da cidade.

Policiais estimam que a dupla envolvida no caso faça parte de uma quadrilha que assalta fazendas e sítios na região; o homem que fugiu esta sendo procurado. Vítimas dos ladrões foram chamadas para fazer o reconhecimento dos bens.

Continue lendo

Serra Negra

Vereadoras de Serra Negra criam frente parlamentar dos Direitos da Mulher

Publicados

em

As três vereadoras eleitas da atual legislatura de Serra Negra criaram em conjunto a frente, cujo objetivo é a atuação em diversos âmbitos que informem, defendam e atuem nos Direitos da Mulher no município

Na semana em que os noticiários brasileiros da guerra entre Rússia e Ucrânia levantou questões imorais como a do Deputado Estadual de São Paulo, Arthur do Val – que esteve na Ucrânia e se referiu através de áudios vazados de um aplicativo de mensagens à refugiadas no leste europeu, bem como policiais femininas e as comparando com brasileiras, de forma misógina e desrespeitosa, as três vereadoras da atual legislatura de Serra Negra se uniram em uma iniciativa, até então, inédita no município.

Após as assinaturas da moção de repúdio em relação às falas do referido deputado feitas na sessão do dia 07 de março, as vereadoras Ana Bárbara Regiani Magaldi, Anna Beatriz Scachetti e Benedita Viviani Anibal Carraro concordaram em criar, em conjunto, a Frente Parlamentar dos Direitos da Mulher de Serra Negra. O ato também coincidiu com a semana do Dia Internacional das Mulheres.

A Frente visa informar e promover iniciativas de diversos âmbitos que atuem na defesa dos direitos e na promoção humana das mulheres, que ainda hoje sofrem com a desigualdade, o preconceito e todos os tipos de violência que acontecem diariamente no mundo inteiro.

A criação da comissão vai atuar no fomento de palestras que darão voz às cidadãs da cidade, busca de recursos para projetos direcionados às mulheres, além de instituir canais com sugestões e denúncias, para estreitar o caminho entre a comunidade, poder público e autoridades.

Além disso, o bloco terá o potencial de atingir outros diversos segmentos, pois além de ser uma ferramenta de comunicação e promoção, a ideia não é debater apenas a violência contra a mulher e sim levantar temas como empreendedorismo, empoderamento e outras questões coletivas como saúde, saneamento, mobilidade urbana entre outras, que acabam se estendendo à toda população.

Em breve, serão divulgadas através das redes sociais das vereadoras os canais de comunicação da Frente.

Outro fato relevante, além do ineditismo da iniciativa, é o fato das três vereadoras mulheres da atual legislatura, pertencem a três grupos políticos diferentes da cidade, o que reforça ainda mais a união por um bem comum.

Continue lendo
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Últimas Notícias