Conecte-se conosco

Engenheiro Coelho

Estudantes de Veterinária do Unasp “criam” vaca Mimosa

Publicados

em

Um trabalho que tá dando muito trabalho

Veterinária do Unasp – Alunos do 5º período do Curso de Veterinária do Centro Adventista de São Paulo – Unasp de Engenheiro Coelho, estão tendo um trabalho daqueles para realizar uma atividade exigida por uma das disciplinas do curso.

Acontece que, já há quase um mês, os estudantes estão trabalhando na “criação de uma vaca”! Sim, você leu bem!

O grupo de rapazes formado por: Manoel de Jesus, Guilherme Novaes e Wellington Silva, estão empenhados na “criação” do bicho de ferro que será usado como modelo de explicação para realização de atividade da disciplina.

Veterinária do Unasp
Feita com ferros envolta por uma rede de náilon e coberta por papel e cola, aos poucos a vaquinha, vai ganhando forma.

Para demonstrar como é realizada a aplicação de uma anestesia, no intuito de se fazer uma cesariana no animal, os estudantes começaram o processo de criação da maquete da vaca.

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Segundo os estudantes, inicialmente, pensaram em várias formas e modelos que poderiam criar na intenção de demonstrar como o processo poderia ocorrer. Pensaram até em desenhar, criar no slide e outros modos. No entanto, entenderam que ficaria tudo muito superficial e, foi aí que tiveram a ideia de pôr em prática a criatividade e de fato “criar” a vaca batizada de “Mimosa”.

Feita com ferros envolta por uma rede de náilon e coberta por papel e cola, aos poucos a vaquinha, vai ganhando forma.

Veterinária do Unasp
Estudantes de Veterinária do Unasp “criam” vaca Mimosa

De acordo com os estudantes, a maior dificuldade foi pensar em como que poderia dar início a confecção do boneco. Que tipo de material seria usado e como eles poderiam trabalhar na forma do animal? Essa era a pergunta que pairava nas mentes dos jovens.

“Foi difícil pensar no material que poderíamos usar, a gente não tinha ideia por onde começar, como poderíamos modelar o corpo etc…, mas depois que descobrirmos o que poderíamos usar, a gente conseguiu idealizar o projeto e por em prática, não está sendo fácil, mas agora estamos na fase final”, disse Wellington.

O trabalho será exibido na próxima segunda-feira (04) na classe do Curso Veterinária do Unasp.

Veterinária do Unasp
Um trabalho que tá dando muito trabalho

Só pelo esforço e dedicação na execução dos preparativos para criar a vaca “Mimosa”, o grupo já merecia um 10, caso fosse um trabalho de arte, mas como se trata de uma simulação veterinária, vai depender das técnicas que os rapazes hão de exibir para os demais colegas em classe.

Engenheiro Coelho, leia mais, Clique aqui!

Engenheiro Coelho

Historiador destaca a importância do Unasp para Engenheiro Coelho

O professor relata que o Unasp é responsável por levar o nome do município para além de São Paulo

Publicados

em

Engenheiro Coelho Completa 31 anos de emancipação

O professor relata que o Unasp é responsável por levar o nome do município para além de São Paulo

Engenheiro Coelho Completa 31 anos de emancipação, e quem está na Cidade – desde o seu surgimento como município – percebe que muita coisa mudou ao longo desses 31 ano de “nascimento”.

Porém, o que acontece é que, muitas das vezes, nós não percebemos a evolução porque estamos implicitamente inseridos e demasiadamente ocupados para perceber o quão rápido as coisas se transformam a nossa volta. Aí, acabamos por não notar quão grande crescimento.

Veja um simples exemplo: Pense numa criança que, ao tempo em que você permaneceu convivendo com ela, você nunca se atentou que – a cada nascer do dia – ela crescia um pouco mais. Só que por estar tão acostumado com ela, teoricamente, você não teve a percepção deste crescimento.

Então, um dia você se afasta desta criança, passa alguns anos sem vê-la. Mas ao reencontrá-la em um belo dia, naturalmente, ecoa de seus lábios a seguinte expressão: Ual! Como você cresceu…

Semelhantemente, é assim que normalmente acontece com os lugares, cidades e municípios. Nós não notamos, mas crescem gradualmente um dia por vez.

O professor e historiador do Centro Universitário Adventista de São Paulo, Unasp – Engenheiro Coelho, Elder Hosokawa, afirma que há muitas curiosidades interessantes sobre o jovem município de Engenheiro Coelho que merecem ser contadas.

Engenheiro Coelho Completa 31 anos – Há muitas informações sobre o surgimento do município que merecem mais notoriedade. – Elder Hosokawa , professor e historiador – Foto: Márcio Nato Rodrigues

De acordo com o historiador – que atualmente leciona no Campus Engenheiro Coelho, para os cursos presenciais e EAD – há muitas informações sobre o surgimento do município que merecem mais notoriedade.

Mexendo em seus arquivos de pesquisas, Hosokawa, mencionou uma importante curiosidade sobre a origem do nome da Cidade.

O nome Engenheiro Coelho

Engenheiro Coelho Completa 31 anos – Estação de trem de Engenheiro Coelho – Fonte: Retratos de Engenheiro Coelho

Segundo Elder, o engenheiro civil, Constante Affonso Coelho, devido aos serviços prestados ao Estado de São Paulo e ao sistema ferroviário da Mogiana e Sorocabana, é o grande homenageado com o nome do Município.

Quer saber Notícias de Engenheiro Coelho – Clique aqui

 Após falecer, aos 62 anos, na Capital Paulista (07 de fevereiro de 1912), a estação de trem da atual cidade de Conchal, aberta ao tráfego em 02 de julho de 1912, recebeu seu nome: Engenheiro Coelho.

Engenheiro Coelho Completa 31 anos – Fonte: Retratos de Engenheiro Coelho

No entanto, 11 Anos depois, ou seja, em 1º de setembro de 1923 a designação Engenheiro Coelho foi transferida de Conchal para a estação Guaiquica e, 69 anos depois, no dia 19 de maio de 1992, a homenagem se tornaria oficialmente o nome do município de Engenheiro que, em plebiscito no ano anterior, emancipou-se de Artur Nogueira.

Um distrito de Artur Nogueira

O professor lembra que, em 1983, Engenheiro Coelho era só mais um distrito de Artur Nogueira. Na ocasião, o distrito contava com um pouco mais de cinco mil habitantes.

Hosokawa aponta que um dos grandes fatores que alavancaram o crescimento da Região, atribui-se muito a chegada do Unasp, “em 1983 a população de Engenheiro Coelho era estimada em quatro, cinco mil habitantes, aproximadamente. Hoje, ultrapassa os 20 mil, então, é coerente afirmar que, esse crescimento se atribui a chegada da instituição no local”.

A Importância do Unasp para Engenheiro Coelho

Engenheiro Coelho Completa 31 anos – Os primeiro funcionário do Unasp,1983

O historiador relata que a questão cultural trazida pelo Centro Universitário também é um dos responsáveis não só pelo crescimento, mas também um grande propagador do nome de Engenheiro Coelho para todo Brasil, “a área cultural sempre foi muito forte, há no Unasp mais de dez conjuntos musicais, corais etc., e esses grupos viajam para todo o Brasil, mas sempre se reportam as suas origens a matriz, nesse caso, Unasp Engenheiro Coelho”, explica o professor.

“Unasp, já era uma importante fazenda antes de 1983, era uma grande fazenda produtora de laranja do estado de São Paulo”, Foto Fonte: Retratos de Engenheiro Coelho

Engenheiro Coelho Completa 31 anos – Além disso, uma outra importante contribuição do Unasp para o município, segundo Hosokawa, refere-se ao setor econômico. Além de trazer um corpo de profissionais altamente capacitados para região, famílias e estudantes, muitos outros migrantes vieram morar na localidade para desfrutar de um pouco mais de qualidade de vida.

“Temos que pensar que praticamente um quinto da população de Engenheiro Coelho, está relacionada ao internato e os alunos externo da Universidade, ou seja, temos aproximadamente de quatro à cinco mil alunos que vem de todas regiões e se instalam aqui, além de famílias e profissionais aposentados que buscam Engenheiro Coelho como forma de qualidade de vida, e isso se remete a questões de arrecadação tributária, que beneficia o município, a presença adventista é muito significante”.

Engenheiro Coelho Completa 31 anos – “Instituição tem uma significativa importância para a economia de Engenheiro Coelho” – Foto Fonte: Retratos de Engenheiro Coelho

A importância do Unasp para Engenheiro Coelho se torna ainda mais evidente, principalmente, quando se fala na extensão territorial, segundo o professor, a propriedade corresponde a quase um décimo do município, “Unasp, já era uma importante fazenda antes de 1983, era uma grande fazenda produtora de laranja do estado de São Paulo. Vale a pena mencionar que nos anos de 1983 e 1984, logo após a compra do território pela igreja, houve uma grande geada nos Estados Unidos, e isso fez com que a laranja produzida aqui no Brasil tivesse um aumento substancial, o que fez que a própria produção da fazenda pagasse pelo investimento. Resumindo, num quadro geral, a Instituição tem uma significativa importância para a economia de Engenheiro Coelho”, esclarece.

O que o Futuro Reserva para Engenheiro Coelho?

 Engenheiro Coelho Completa 31 anos de emancipação
Engenheiro Coelho Completa 31 anos – Engenheiro Coelho vista do alto – Fonte: Retratos de Engenheiro Coelho

Engenheiro Coelho Completa 31 anos – Falando sobre o futuro do município, o professor é otimista. Mediante ao longo dos anos e das mudanças que já presenciou por  municípios do território nacional  que já passou, pesquisou e viu progresso surgir, com experiência e cautela, considera que Engenheiro Coelho está no caminho do crescimento.

Prevê, que se houver consenso entre poder público, instituições educacionais e comunidade, o município poderá atingir um grau de crescimento muito elevado, no entanto, ressalta que, deve-se manter a coerência – principalmente na preservação do verde.

Engenheiro Coelho Completa 31 anos de emancipação

 Engenheiro Coelho Completa 31 anos de emancipação
“Em 1983 a população de Engenheiro Coelho era estimada em quatro, cinco mil habitantes, aproximadamente. Hoje, ultrapassa os 20 mil” – Fonte: Retratos de Engenheiro Coelho

“Acredito que deva já existir uma discussão no plano diretor para implementação de crescimento, se houver um empenho regulamentação para a instalação de empresas que sejam parceiras e tenham projeto de qualidade de vida, que preservem o verde, o município tem tudo para ganhar. Mas se a gente não tiver um plano e parcerias com as instituições educacionais, comunidade e poder público, podemos ter dificuldades para controlar as questões de aspectos relacionados a saúde e meio ambiente”, explica.

“O Crescimento é Veloz”

 Engenheiro Coelho Completa 31 anos – Atualmente o Centro Universitário Adventista de São Paulo – Campus Engenheiro Coelho – Unaspec, está sob sua dinâmica e visionária liderança do Drº Martin Kuhn. Kuhn é agora a grande mente pensante, instruída por Deus, para continuar mantendo esse importante legado rumo a estrada do crescimento.

Já que, para o historiador Elder Hosokawa, “o crescimento é veloz”. “Quando eu cheguei em Engenheiro Coelho tínhamos entorno de 10, 12 mil habitantes. Hoje, o município tem um pouco mais 20 mil, o Unasp ano que vem completará 40 anos, o município está fazendo 31, essa é uma parceria importante.

Engenheiro Coelho Completa 31 anos – Elder Hosokawa , professor e historiador – Foto: Márcio Nato Rodrigues

E é importante ressaltar também que, logo teremos em nosso Campus o nosso museu de arqueologia, será uma referência internacional, esse um trabalho que vem sendo desenvolvido pelo Drº Rodrigo Silva.  Breve teremos mais uma atração para o município que solidificará ainda mais a presença do Unasp na Região”, finaliza.

Reportagem: Márcio Nato Rodrigues

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer fica bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Além disso, a Gazeta tem uma super novidade para você! Que tal receber as receber as principais notícias que são veiculadas no Portal da Gazeta Regional direto no seu WhatsApp, totalmente gratuito?

xangai, covid-19
Gazeta Regional

Gostou da novidade? Então, clique aqui e habilite seu App gratuitamente para receber os principais conteúdos da Gazeta direto em seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado.

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Quer saber Mais sobre Notícias de Engenheiro Coelho e Região? Clique aqui

Continue lendo

Engenheiro Coelho

400 pessoas participaram da 1ª Meia Maratona em Engenheiro Coelho

Publicados

em

400 pessoas participaram da 1ª Meia Maratona em Engenheiro Coelho – Neste último domingo (22), foi realizada a 1ª Meia Maratona Guaiquica em Engenheiro Coelho.

Segundo informações repassadas pelos os organizadores do evento, 400 pessoas se inscreveram e participaram da corrida.

A Meia Maratona foi preparada e realizada em comemoração aos 31 anos de emancipação do município de Engenheiro Coelho.

A largada foi dada às 8h da manhã, em frente ao lago Municipal.

400 pessoas participaram da 1ª Meia Maratona em Engenheiro Coelho

Pode ser uma imagem de 6 pessoas, pessoas em pé e ao ar livre
400 pessoas participaram da 1ª Meia Maratona em Engenheiro Coelho

A Secretaria de Esporte e Lazer, em conjunto com o grupo Winners, foram os responsáveis por todo o evento.

400 pessoas participaram da 1ª Meia Maratona em Engenheiro Coelho
400 pessoas participaram da 1ª Meia Maratona em Engenheiro Coelho

Ao fim, medalhas foram distribuídas aos participantes da corrida

Quer saber Notícias de Engenheiro Coelho – Clique aqui

Pode ser uma imagem de 5 pessoas, pessoas em pé e ao ar livre
400 pessoas participaram da 1ª Meia Maratona em Engenheiro Coelho
Pode ser uma imagem de 3 pessoas, pessoas em pé, ao ar livre e texto que diz "ALA"
400 pessoas participaram da 1ª Meia Maratona em Engenheiro Coelho
Pode ser uma imagem de 6 pessoas, pessoas em pé e ao ar livre
400 pessoas participaram da 1ª Meia Maratona em Engenheiro Coelho

400 pessoas participaram da 1ª Meia Maratona em Engenheiro Coelho

Pode ser uma imagem de 2 pessoas, criança, pessoas em pé, bicicleta e ao ar livre
400 pessoas participaram da 1ª Meia Maratona Guaiquica em Engenheiro Coelho
Pode ser uma imagem de 3 pessoas, pessoas em pé e ao ar livre
400 pessoas participaram da 1ª Meia Maratona Guaiquica em Engenheiro Coelho
Pode ser uma imagem de 15 pessoas, pessoas em pé e ao ar livre
400 pessoas participaram da 1ª Meia Maratona Guaiquica em Engenheiro Coelho

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer fica bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Além disso, a Gazeta tem uma super novidade para você! Que tal receber as receber as principais notícias que são veiculadas no Portal da Gazeta Regional direto no seu WhatsApp, totalmente gratuito?

xangai, covid-19
Gazeta Regional

Gostou da novidade? Então, clique aqui e habilite seu App gratuitamente para receber os principais conteúdos da Gazeta direto em seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado.

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Quer saber Mais sobre Notícias de Engenheiro Coelho e Região? Clique aqui

Continue lendo

Engenheiro Coelho

Engenheiro Coelho, 31 anos, um pouco de história

Engenheiro Coelho, 31 anos, um pouco de história

Publicados

em

Engenheiro Coelho, 31 anos, um pouco de história – Mesmo que nesta quinta-feira (19) a cidade comemore 31 anos de emancipação político-administrativa, a história de Engenheiro Coelho remete a um passado ainda muito mais distante. A vinda de imigrantes de várias partes do mundo, com maior quantidade de europeus, o desenvolvimento da cidade começa a se destacar ainda mais com a instalação da ferrovia Funilense.

Com um grande ramal, que ligava Campinas à Pádua Sales, a Funilense teve uma importante participação no desenvolvimento da produção agrícola da ainda vila. Fundada em 1899, a Companhia Funilense foi uma aposta dos proprietários da jovem Usina Ester para o escoamento de cana-de-açúcar para as moendas da usina na ainda vila de Cosmópolis, na região do Funil. Nesta época ainda não havia ramal para as recentes vilas de Artur Nogueira, fazenda Guaiquica e Conchal.

Engenheiro Coelho, 31 anos, um pouco de história



Em 1904, o Governo do Estado de São Paulo tomou conta da estrada de ferro, após um empréstimo não honrado feito pelos proprietários da usina. Somente em 1913 a estrada, agora incorporada pela Sorocabana, passou a atingir seu ponto máximo, chegando à Pádua Sales, ás margens do Rio Mogi-Guaçu, completando assim os 93 quilômetros de ferrovia, tendo como origem o bairro Guanabara em Campinas.

Engenheiro Coelho 31 anos um pouco de história
Engenheiro Coelho 31 anos um pouco de história

A estação de Engenheiro Coelho, que hoje é um posto de saúde no centro da cidade, foi inaugurada em 1913. Por isso, a cidade leva o nome de um inspetor da Companhia Sorocabana de Estrada de Ferro, o engenheiro José Luiz Coelho. Que também é o responsável pela construção de um dos maiores complexos de ferrovias do Estado.



Recortes do jornal O Estado de São Paulo (1916 e 1923)

História de Engenheiro Coelho

Após 31 anos de emancipação e da primeira eleição própria, a cidade de Engenheiro Coelho não para de crescer. Antes de receber esse nome, o município localizado no interior do Estado de São Paulo era conhecido como “Guaiquica”. Por volta de 1910, as terras coelhenses pertenciam a Joaquim Cardoso de Moraes. Mas, devido a intensificação da imigração no início do século, o imigrante belga Pedro Hereman adquiriu as áreas, que passaram a fazer parte da ‘Fazenda São Pedro’.

Dinâmico, Hereman – a cada ano que passava – construía e produzia mais na fazenda, aumentando as colônias existentes e dando equipamentos necessários à sua manutenção. Dessa forma, os investimentos conduziram, em 2 de junho de 1912, à inaugurada da ‘Estação da Estrada de Ferro na Colônia da Guaiquica’, que passou a ser conhecida por ‘Estação de Engenheiro Coelho do Bairro da Guaiquica’.



Assim, o nome Engenheiro Coelho foi uma homenagem ao Engenheiro José Luiz Coelho que, na época, era inspetor de estrada de ferro e representante da Fazenda Estadual.

A colônia passou a se desenvolver ainda mais após a construção da estrada que liga Limeira (SP) a Mogi Mirim (SP) em meados de 1939. Todo o cenário estava sendo montado para que, enfim, Engenheiro Coelho atingisse a categoria de distrito pela Lei Estadual nº 2343. A data da conquista foi marcada em 14 de maio de 1980.

A eleição dos primeiros vereadores e do prefeito aconteceu em 3 de outubro de 1991.

Quer saber Notícias de Engenheiro Coelho – Clique aqui



Com apenas 31 anos de emancipação política, além do grande avanço nas áreas agrícola, industrial, serviços públicos e de infraestrutura, a cidade apresenta uma das maiores taxas de crescimento populacional da Região Metropolitana de Campinas (RMC). Comparando os dados dos últimos dois censos, Engenheiro Coelho foi a segunda cidade que mais cresceu na RMC e a oitava no Estado de São Paulo, com um aumento de 56,7%, passando de 10.033 pessoas para 15.719.

Com uma área de 109,94 km², a economia do município está baseada na agricultura, destacando-se a produção de laranja, de cana-de-açúcar, mandioca, hortaliças, entre outros produtos. Além disso, a composição do setor de serviços é diversificada, com a maior participação a cargo das atividades imobiliárias e serviços prestados às empresas. Na área educacional, creches e escolas compõem o quadro, junto com o campus do Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unasp).

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer fica bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Além disso, a Gazeta tem uma super novidade para você! Que tal receber as receber as principais notícias que são veiculadas no Portal da Gazeta Regional direto no seu WhatsApp, totalmente gratuito?

xangai, covid-19
Gazeta Regional

Gostou da novidade? Então, clique aqui e habilite seu App gratuitamente para receber os principais conteúdos da Gazeta direto em seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado.

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Quer saber Mais sobre Notícias de Engenheiro Coelho e Região? Clique aqui

Continue lendo
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Últimas Notícias