Conecte-se conosco

Entretenimento

Suplementação de vitamina D

Publicados

em

A deficiência de vitamina D é um problema de saúde pública em nível mundial e muitas pesquisas vem sendo desenvolvidas, contudo, existe uma grande dificuldade de padronização das diretrizes nutricionais e clínicas. Ocorre que não há heterogeneidade entre os protocolos de pesquisa e amostras, são utilizadas dosagens e diferentes tipos de vitamina D, isso dificulta, e se cada um faz de um jeito fica difícil comparar.

A vitamina D é essencial à vida, funcionamento normal do nosso organismo e um nutriente que participa de várias funções no corpo. Sua deficiência está associada a maior mortalidade e agravamento da saúde em pessoas com hipertensão, SIDA, idosos, em doenças cardiovasculares, Covid-19 e outras situações.

Onde encontramos? Pode ser ingerida pela dieta, em alimentos de origem animal, mas suas concentrações são muito pequenas então precisamos de sol, luz solar UV que induz sua formação na pele e depois ela vai para o fígado e rins onde é metabolizada.

E quais alimentos devemos consumir?

•             Óleos de fígado de peixes (bacalhau e atum);

•             Peixes gordos (bacalhau, atum, arenque, cavala, outros);

•             Fígado de mamíferos;

•             Ovos;

•             Produtos lácteos;

•             Cogumelos.

A quantidade naturalmente produzida na pele é maior e de grande importância para nosso corpo, mas deveríamos tomar banho de sol diariamente e sem protetor solar. Agora me conta, quem toma sol diariamente? Mesmo sendo o Brasil um país tropical, não temos este hábito diário, salvo algumas pessoas que moram em cidades praianas.

Conforme envelhecemos sofremos menor aproveitamento da exposição solar, outros fatores que interferem na absorção e aproveitamento da vitamina d é o uso frequente de alguns medicamentos, saúde intestinal precária com presença de disbiose e disfunção microbiana. Também a obesidade e estado inflamatório são fatores associados a deficiência.

É um micronutriente, uma vitamina lipossolúvel, e considerada um hormônio esteroide e com várias funções:

•             Infecções respiratórias agudas;

•             Saúde óssea;

•             Força e funcionalidade muscular;

•             Influência no controle das contrações do músculo cardíaco e bombeamento de sangue;

•             Melhora do sistema imunológico, os linfócitos d tem receptores para este hormônio;

•             Controle da diabetes;

•             Diminui o auto ataque em pessoas com doenças autoimunes;

•             Previne contra o câncer;

•             Distúrbios e qualidade do sono;

•             Saúde mental (doenças neurológicas, comprometimento cognitivo; performance, depressão, ansiedade e outros);

•             Doenças cardiovasculares;

•             Lúpus;

•             Encefalite autoimune;

•             Artrite e artrose;

•             Lúpus e outras doenças autoimunes;

•             Proteção contra o agravamento da infecção viral, inclusive por Covid-19;

•             Outros

Quanto é considerado um nível nos exames sendo normal ou seguro? Cerca de > 50 nmol/l ou 20ng/ml é o alvo mais aceito atualmente. Os grupos de risco mais suscetíveis à hipovitaminose D, devem considerar as condições clínicas para a manutenção de níveis mais altos (entre 30 e 60 ng/ml), inclusive gestantes.

Segundo diretrizes internacionais, a deficiência grave desta vitamina aparece com uma concentração abaixo de 20 (OH) D <30 nmol/l (ou 12 ng/ml) e isso acarreta dramaticamente em maior risco de mortalidade, infecções e agravamento de muitas outras doenças, e deve ser evitada sempre que possível.

Agora é importante dizer que a deficiência mundial generalizada é contestada por muitos centros internacionais de pesquisa e órgãos governamentais como o europeu.

Aumentar a ingestão oral para quantidades maiores que a necessidade fisiológica podem causar hipercalcêmia (quantidade excessiva de cálcio). Existem muitos relatos de toxicidade, não quando produzida por luz solar UV, mas ingerida em grandes quantidades, provocando fadiga, fraqueza muscular, náuseas, micção frequente, vômitos, e entre outros problemas causar problemas e até lesões renais, ateroesclerose e enrijecimento das paredes arteriais do coração.

A suplementação é eficiente apenas em casos de deficiência grave comprovada! A fim de evitar estes riscos deve ser monitorado o nível de vitamina D no sangue, a concentração de cálcio, magnésio, zinco, vitamina A e o PTH, assim como a saúde intestinal, óssea e renal e o estado de saúde como um todo.

A diferença entre o veneno e o remédio está na dose, já dizia Paracelso.

Mundo

Tom Cruise fará HISTÓRIA com ‘Missão Impossível 8’

O elenco do novo filme conta com o retorno de Tom Cruise, Rebecca Ferguson, Simon Pegg, Ving Rhames, Vanessa Kirby e Angela Bassett.

Publicados

em

O ator veterano Henry Czerny também foi confirmado no longa-metragem e reprisará seu papel como Kittridge, 25 anos depois da última aparição na franquia.

Tom Cruise – Em entrevista ao ScreenRant, o editor Eddie Hamilton aumentou nossas expectativas para o já confirmado oitavo capítulo de ‘Missão Impossível’, revelando que o astro Tom Cruise fará história com acrobacias absolutamente insanas.

Hamilton falou sobre o tempo que passou na África do Sul, onde as filmagens ocorreram, e garantiu que os fãs irão se surpreender mais uma vez com Cruise.

“Estou novamente colaborando com Tom Cruise e Chris McQuarrie todos os dias nessa sequência, para torná-la cada vez melhor e, eu juro, algumas das coisas que ele está fazendo são históricas, cara”, ele disse. “Não estou exagerando. Vocês vão assistir e vão ver. Tom fez isso de novo. Ele fez de novo. E é incrível estar ao lado dele, honestamente”.

Quer saber Notícias de Engenheiro Coelho – Clique aqui

Lembrando que o oitavo capítulo chega aos cinemas em 28 de junho de 2024. O sétimo, intitulado ‘Missão Impossível – Acerto de Contas: Parte 1’, está programado para ser lançado em 14 de julho de 2023.

O elenco do novo filme conta com o retorno de Tom CruiseRebecca FergusonSimon Pegg, Ving Rhames, Vanessa Kirby e Angela Bassett. Klementieff e Hayley Atwell fazem parte das novas adições, ao lado de Rob Delaney (‘Deadpool 2’), Charles Parnell (‘Top Gun: Maverick’), Indira Varma (‘Game of Thrones’), Mark Gatiss (‘Sherlock’) e Cary Elwes (‘Stranger Things’).

O ator veterano Henry Czerny também foi confirmado no longa-metragem e reprisará seu papel como Kittridge, 25 anos depois da última aparição na franquia.

Tom Cruise

Tom Cruise fará HISTÓRIA com ‘Missão Impossível 8’
Tom Cruise fará HISTÓRIA com ‘Missão Impossível 8’

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer fica bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Rua do Bairro Universitário em Engenheiro Coelho
Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui e habilite seu App gratuitamente para receber os principais conteúdos da Gazeta direto em seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado.

Quer saber Mais sobre Notícias de Engenheiro Coelho e Região? Clique aqui

Continue lendo

Entretenimento

Saiba o que Quentin Tarantino não permite no set durante as filmagens

Publicados

em

Vanderlei Tenório

Com uma filmografia célere que vai de “Cães de Aluguel” e “Pulp Fiction” a “Django Livre” e “Era uma vez em Hollywood”, Quentin Tarantino segue sendo um dos cineastas mais da Hollywood contemporânea. Para dar uma ideia rápida de sua notoriedade, os filmes de Tarantino que nunca aconteceram são conhecidos por atrair mais interesse do que alguns filmes que você sabe que realmente foram feitos.  

Dado o diálogo forte pelo qual as obras de Tarantino são conhecidas, o espectador pode supor que o diretor gosta de manter as coisas bem legais e casuais no set. Isso, porém, nem sempre é verdade.

Embora Tarantino tenha seu próprio conjunto preferido de colaboradores, as coisas nem sempre são simples e diretas. Os atores de Tarantino ficaram desconfortáveis ​​filmando algumas cenas, e o diretor também tem uma implicância muito específica durante as filmagens. Na verdade, há uma coisa em particular que Quentin Tarantino absolutamente não permitirá no set em nenhuma circunstância. Vamos descobrir o que é. 

Quentin Tarantino tem uma política de “sem telefones celulares no set” sempre que está filmando. Quando você pensa sobre isso, faz todo o sentido – afinal, ninguém quer ouvir o celular de alguém tocando quando está assistindo a um filme, então por que Tarantino quer que o telefone de alguém toque quando ele está fazendo um? No entanto, o diretor é rápido em admitir que ele pode ser bastante draconiano sobre isso.

“Ninguém pode estar em qualquer lugar perto da minha câmera com um telefone celular. Na verdade, temos um Checkpoint Charlie [pontos de verificação do telefone]”, Tarantino explicou sua abordagem aos telefones celulares em uma entrevista de 2013 com Jay Leno (via Hollywood).

“Fiz cenas em filmes e, de repente, o celular de alguém da equipe tocou e arruinou a cena. Isso não pode acontecer. Estamos aqui para fazer alguma coisa, estamos realmente conjurando algo, e eu não posso ter a atuação dos meus atores, ou qualquer coisa que estamos tentando fazer, ser atrapalhada por um telefone celular. As pessoas podem dizer: ‘Ah, bem, vou me lembrar de colocar no silencioso.’ Não estou aqui para testar sua memória. Estamos aqui para fazer isso”.

Além dessa parte prática de evitar obstruções relacionadas ao telefone celular durante as filmagens, Tarantino observou que a proibição do telefone também tem um aspecto social. Ao impedir que todos mexam em suas redes sociais, ele os força a interagir uns com os outros, o que permite que as pessoas trabalhem melhor juntas. 

Continue lendo

Entretenimento

Influenciadora faz tatuagem contra a vontade da mãe e se arrepende

Publicados

em

Nathalia Valente tatuou uma cobra de enormes proporções nas costas e desabafou sobre o desenho aquém do desejado nas redes sociais

“Bem que eu avisei”. A frase maternal encaixa-se perfeitamente à situação vivida pela influenciadora digital Nathalia Valente, 18 anos. Ela resolveu fazer uma tatuagem nas costas com o desenho de uma cobra escondido da mãe, Cristiane Valente, que havia dito para não “exagerar” no tamanho. Eis que a jovem não ouviu o conselho e se arrependeu ao ver o resultado do desenho.

Diante do arrependimento, Nathalia usou as redes sociais para se lamentar. “Não era desse jeito que eu queria. Ficou totalmente diferente do que eu pedi para o tatuador, ficou muito escura. Está totalmente errada”, afirmou a jovem em vídeo publicado recentemente no Instagram.

Continue lendo
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Últimas Notícias