Conecte-se conosco

Amparo

Reflexos da Pandemia: Na espera pela reabertura, vinícola foca na venda online

Paula Partyka

Publicados

em

Contrariando o conhecimento existente na época e, com a ambição de fazer grandes vinhos, em 2003 nasceu a Vinícola Terrassos, com o início da plantação dos vinhedos. Situada em Amparo, a Vinícola surgiu do sonho de produzir vinhos finos em terras paulistas.

Após anos de aprendizado, testes com cerca de 20 variedades de uvas viníferas e muita dedicação, a Vinícola Terrassos concluiu em 2010 sua nova cantina e iniciou a elaboração de vinhos únicos, que apaixonam e encantam. Os vinhos são vendidos, em sua maioria, na propriedade.

O restaurante da Vinícola conta com culinária italiana e funciona de sexta a domingo para almoço. Neste momento de quarentena, toda a produção do restaurante está praticamente parada, conta o empresário, Fábio Luis. “Estamos aguardando as orientações do governo para a reabertura em um futuro próximo”, afirma.

De acordo com Fábio o fechamento do restaurante e das atividades de turismo, o faturamento da empresa foi afetado em 90%. Com isso, foi preciso fazer redução da equipe de trabalho.

O cenário fez, também, com que a Vinícola focasse em entregas do Festival de Massas na cidade de Amparo e vendas dos vinhos online. A produção de vinho, continua, já que a uva continua produzindo.

“Estamos aguardando autorização para reabertura. Como temos um espaço aberto, podemos oferecer uma boa opção as pessoas que estão procurando passeios e atividades em meio a natureza, com baixa risco de exposição ao coronavírus”, finaliza Fabio.

Continue lendo

Amparo

GCM de Amparo contará com recursos para infraestrutura e tecnologia

Redação Gazeta Regional

Publicados

em

A Guarda Civil Municipal de Amparo contará com recursos para a reforma da sala de instrução, troca de mobília, equipamentos de informática e compra de drone para ações.

Na tarde desta quinta-feira, 20, em São Paulo, os inspetores Veiga e Pignata estiveram com a deputada estadual Letícia Aguiar, que indicou para a corporação a emenda impositiva, para esse ano.

“Serão recursos que são de grande valia para a GCM. O nosso agradecimento, pois, poderemos investir ainda mais no treinamento e inteligência na prevenção e combate ao crime, na cidade”, explica o comandante da GCM, Maurício de Campos.

Continue lendo

Amparo

Quarta dose para imunossuprimidos está disponível em Amparo

Redação Gazeta Regional

Publicados

em

A Secretaria de Saúde de Amparo está aplicando a quarta dose da vacina contra a Covid-19 em imunossuprimidos acima de 18 anos vacinados com a terceira dose há no mínimo 4 meses. A quarta dose, ou segunda dose de reforço, está disponível apenas para este público, por enquanto.

A vacinação contra a Covid-19 está acontecendo em todas as USF da cidade de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h. Além disso, a USF São Dimas vacina de segunda a sexta-feira das 17h às 19h, a USF Pinheirinho no mesmo horário às terças e quintas e a USF Moreirinha às quartas-feiras.

São considerados imunossuprimidos os pacientes que apresentam: Imunodeficiência primária grave, Quimioterapia para câncer, Transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) em uso de drogas imunossupressoras, Pessoas vivendo com HIV/Aids, Uso de corticóides em doses maiores ou iguais a 20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por tempo maior ou igual a 14 dias, Uso de drogas modificadoras da resposta imune, Auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias, Pacientes em terapia renal substitutiva (hemodiálise), Pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas.

Para receber a vacina, os imunossuprimidos devem apresentar documento de identificação, carteira de vacinação com o registro das três doses e comprovante da condição de saúde, por meio de exames, atestado médico, receitas, relatório ou prescrição médica.

Continue lendo

Amparo

Desabastecimento de testes não prejudica atendimento de síndromes gripais e Covid-19, em Amparo

Redação Gazeta Regional

Publicados

em

A Prefeitura de Amparo deve receber novos testes para Covid-19, na próxima semana. A Secretaria de Saúde informou que deverá ocorrer falta do teste para antígeno na Rede Pública, a partir de sexta-feira, 21, em algumas unidades, porém, isso não interfere no atendimento clínico dos Polos de Síndromes Gripais e Covid-19.

Desde o início do ano, em média, mais de 590 atendimentos estão ocorrendo diariamente na cidade. No início do ano, a Prefeitura de Amparo tinha um estoque de 6 mil testes de antígeno (conhecido por confirmar a Covid-19 ou não em até 15 minutos). A Prefeitura de Amparo tem previsto em seu orçamento a compra, porém, a dificuldade está sendo a entrega por parte das empresas. A situação ocorre em todo o Brasil, devido ao aumento de casos.

A Secretaria de Saúde informou que isso não muda em nada o atendimento. “O paciente sintomático será atendido, medicado e inicia o tratamento, como os protocolos. Também há o isolamento dos familiares ou pessoas que estão na mesma residência do positivado. Caso outra pessoa da casa esteja com sintomas, ela deve buscar o atendimento para o tratamento”, explica a Secretária de Saúde, Marina Leitão David.

É válido ressaltar que pessoas apresentando sintomas graves poderão ser testadas com o PCR que é enviado para o Instituto Adolfo Lutz. Atualmente, 42 cidades enviam para a unidade de Campinas, os exames, que em média são devolvidos de 5 a 7 dias.

Após o tratamento e o fim do tempo de isolamento, que estão previstos em atestado médico, o paciente não necessita refazer teste para Covid-19.A Secretaria de Saúde ressalta que se mesmo após os 7 dias, a pessoa continuar com sintomas, ela deve buscar atendimento.

“Não há nenhum protocolo do Ministério da Saúde que prevê a retestagem. Caso queira, a empresa ou interessado pode buscar atendimento particular em laboratórios e farmácias”, reforça a nota da Secretaria de Saúde.

Continue lendo
Propaganda
Propaganda

Categorias

Propaganda

Últimas Notícias