Conecte-se conosco

Entretenimento

O cantor de heavy metal que com delicadeza foi indicado ao Oscar

Publicados

em

Vanderlei Tenório

Infelizmente, o ator chicagoan Paul Raci não possui trabalhos notáveis anteriores a sua indicação ao Oscar de Melhor Ator Coadjuvante, na 93.ª edição da premiação da Academia. O Som do Silêncio (2019), primeiro longa-metragem dirigido por Darius Marder (“O Lugar Onde Tudo Termina”) é também o primeiro longa de grande sucesso do ator – Raci era o meu favorito na categoria.

O ator nasceu na cidade de Chicago, nos Estados Unidos, lá começou sua carreira artística com participações em bandas de rock nos anos 1970. Entretanto, somente na década de 1980, estreou no cinema como parte do elenco do longa “Um Tira de Aluguel” (1987), de Jerry London.

Em seu filme de estreia atuou ao lado de grandes atores como: Burt Reynolds (1936-2018) – indicado ao Oscar de Melhor Ator Coadjuvante, em 1998, por “Boogie Nights”, Liza Minnelli – ganhadora do Oscar de Melhor Atriz, em 1973, por “Cabaret”, a cantora Dionne Warwick – ganhadora de 5 prêmios Grammy, James Remar – indicado ao Saturno Awards de Melhor Ator Coadjuvante de Televisão, pela série “Dexter”, Richard Masur – duas vezes presidente do Screen Actors Guild (SAG), John Stanton, John P. Ryan (1936-2007) e Robby Benson.

Raci fez algumas participações em séries como “CSI”, “Baywatch”, “L.A Law”, “Parks and Recreation” e “Baskets”. Sendo sincero, em linhas gerais, grande parte da carreira Raci foi pautada por papéis secundários e pontas de uma ou duas linhas de diálogo, em dezenas de séries, seriados e filmes avulsos. Mas, felizmente, Darius Marder tirou o veterano da obscuridade e lhe deu o papel mais memorável e afetivo de sua carreira.

Depois de 40 anos como ator, ele atraiu elogios por sua atuação como um conselheiro alcoólatra e surdo em “O Som do Silêncio”. Darius Marder queria alguém da comunidade surda para interpretar Joe, que serve como uma espécie de mentor para o recém-surdo Ruben (Riz Ahmed – indicado ao Oscar de Melhor Ator pelo papel).

Nessa perspectiva, houve um ‘match’ entre Marder e Raci. Afinal, o papel é muito afetivo e próximo da realidade de Raci, que cresceu em Chicago como CODA (na sigla em inglês para filho de adultos surdos) – e, como Joe, enfrentou problemas de vício de toda natureza, depois de servir no Vietnã.

Curiosamente, na verdade, em primeira análise, Raci recusou o papel em “O Som do Silêncio” – Contudo, felizmente, o papel ficou com ele. Não foi fácil convencê-lo a ficar com o papel, a concretização da escalação se deu através de duas fases de negociação: 1) seu agente e esposa persuadiram o diretor de elenco do filme a dar uma olhada em sua fita de audição, enfatizando como o histórico de Raci combinava perfeitamente com o papel, 2) Darius Marder se encontrou com Raci na costa leste, onde tiveram um papo decisivo – após a conversa, Raci finalmente aceitou o papel.

Como uma pessoa ouvinte que cresceu com pais surdos, Raci entende intimamente a visão de mundo específica dos surdos. É uma sociedade que não necessariamente equipara a perda de audição com uma deficiência e, é tão vulnerável a quedas como o vício. 

No entanto, essa perspectiva não tem muita importância em Hollywood. Existem poucos papéis para atores surdos, um papel para um personagem surdo complexo e profundamente falho – o tipo que atrai atores de primeira linha – é quase inexistente. Na suntuosa e seletiva Hollywood, a necessidade de um nome é a velha desculpa clássica para a falta de representação, essa necessidade também está diretamente ligada à capacidade do cineasta de financiar um filme.

Membro do Deaf West Theatre em Los Angeles, Raci também é vocalista da banda de tributo ao Black Sabbath, Hands of Doom ASL ROCK, uma banda que se apresenta em linguagem de sinais americana. “O Som do Silêncio” é o maior papel de seus 40 anos de carreira.

Segundo o repórter Kyle Buchanan, do The New York Times, uma vida toda passada como intérprete de seus pais junto às pessoas de audição regular instilou em Raci o amor pelas artes cênicas, mas, quando ele se mudou para Los Angeles, décadas mais tarde, em busca de uma carreira como ator, não encontrou muitos papéis.

Tais dificuldades não abalaram o ator, Raci continuou batalhando, trabalhando durante o dia como intérprete da língua de sinais no sistema do Tribunal Judiciário Superior do Condado de Los Angeles, e aperfeiçoando suas capacidades como ator em produções do Deaf West Theater durante a noite.

Além dos elogios que recebeu por “O Som do Silêncio”, Raci ganhou nove prêmios da crítica de cinema de melhor ator coadjuvante, bem como um do National Board of Review, sem mencionar o burburinho do Oscar – os dias do ator ouvindo “Oh, não, não desta vez” do pessoal da indústria parece que ficou para trás.

Em entrevista ao agregador de notas Rotten Tomatoes, ele disse: “Estou examinando algumas ofertas de papéis em filmes agora – você sabe, recusei cerca de dez, então estou negociando e negociando aqui”, ele brinca. 

“Que benção. Não consigo decidir se faço este papel, que é muito legal, ou este, que é realmente incrível. Tem roteiristas querendo saber se podem escrever um filme para mim. Eu digo, Cara, escreva seu filme. Não se preocupe comigo. Mas isso é maravilhoso agora.” – Raci trouxe para si a responsabilidade de continuar pressionando por uma melhor representação dos surdos, linha de fundo de sua vida e carreira. 

Em breve, Raci estará no longa da Netflix “A Mãe”, o thriller será dirigido por Niki Caro e o roteiro será assinado por Misha Green. O elenco conta com Jennifer Lopez, Gael Garcia Bernal, Joseph Fiennes, Omari Hardwick e Lucy Paez.

Entretenimento

Varandas pequenas: soluções práticas de decoração

Publicados

em

Por: Elaine Bertoldo, Arquiteta & Urbanista
Master BIM

As varandas pequenas podem ser desafiadoras quando se trata de decoração, mas com um pouco de criatividade e planejamento, é possível transformá-las em espaços encantadores e funcionais. Lembre-se, o segredo está em cada detalhe e em como você utiliza o espaço disponível.

Espero que essas dicas ajudem você a transformar sua varanda pequena em um espaço encantador e funcional.

  1. Jardim Vertical
  • Adicionar um jardim vertical é uma excelente maneira de trazer um toque de verde para a sua varanda sem ocupar espaço no chão. Você pode usar plantas verdadeiras, como ervas e suculentas, que se adaptam bem à luz disponível, utilizando painéis de treliça ou módulos de parede com um bom sistema de irrigação.
  1. Spa Indoor
  • Transformar sua varanda em um spa indoor é uma maneira maravilhosa de criar um refúgio relaxante. Instale uma rede para aproveitar a brisa e adicione almofadas e mantas confortáveis com tecidos resistentes às intempéries. Pequenos detalhes como lanternas, velas aromáticas e plantas ajudam a criar uma atmosfera de tranquilidade e bem-estar.
  1. Espaço para todos
  • Criar um espaço funcional que acomode todos é essencial. Um canto alemão maximiza o uso do espaço e oferece bastante assento, ideal para refeições ou um cantinho de café. Outra opção é uma mesa compacta com cadeiras dobráveis ou bancos que podem ser guardados sob a mesa quando não estão em uso, tornando a varanda prática e acolhedora.

“Criar um canto acolhedor em sua varanda, onde você e seus convidados possam desfrutar de momentos especiais, é mais fácil do que parece”.

Elaine bertoldo

Decorar uma varanda pequena pode parecer um desafio, mas com as estratégias certas, é possível criar um ambiente acolhedor e funcional. Ao incorporar um jardim vertical, criar um spa indoor e estabelecer um espaço para todos, você pode transformar qualquer varanda em um refúgio encantador.

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer ficar bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Deputa Federal Renata Abreu Visita Engenheiro Coelho
Jornal Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui para receber gratuitamente os principais conteúdos da Gazeta Regional no seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado. Quer saber mais sobre Notícias de Campinas e Região? Clique aqui

Continue lendo

Entretenimento

Show dos Amigos: Unindo forças para ajudar o Rio Grande do Sul

Publicados

em

No dia 07 de junho, acontece um show beneficente do supergrupo de sertanejo Amigos, composto por LeonardoChitãozinho e Xororó e Zezé Di Camargo e Luciano, no Allianz Parque, para arrecadar fundos para as vítimas da tragédia do Rio Grande do Sul. Mais informações sobre vendas de ingressos serão divulgadas em breve. 

“O Rio Grande do Sul precisa da nossa ajuda. Faremos um show especial dos Amigos com 100% da renda revertida para nossos irmãos do Rio Grande do Sul. Contamos com vocês, mais uma vez, para unirmos forças em prol de uma causa maior!”, avisam LeonardoChitãozinho e Xororó Zezé Di Camargo e Luciano.

LEIA TAMBÉM:

Com essa convocação poderosa, a solidariedade se faz presente mais uma vez. É o momento de estendermos as mãos para aqueles que precisam, de compartilharmos o que temos em prol de quem enfrenta dificuldades. 

A iniciativa do grupo HJR e seus diretores em divulgar esse evento na Baixada Santista e Vale do Ribeira é um exemplo do espírito de colaboração que deve prevalecer em momentos desafiadores como esse. Juntos, podemos fazer a diferença.

Este evento é idealizado pela Abrape – Associação Brasileira dos Promotores de Eventos, e todos os associados se unem nesse esforço.

“Que este show seja não apenas um momento de entretenimento, mas também um gesto de amor e apoio aos nossos irmãos gaúchos. Que cada nota tocada e cada aplauso dado representem uma contribuição significativa para a reconstrução e o fortalecimento da comunidade do Rio Grande do Sul”, disse o diretor do grupo HJRRodrigo Sandoval.

Vamos nos unir, vamos fazer a diferença. Juntos  somos mais fortes e podemos superar qualquer obstáculo. Estendemos nossas mãos e nossos corações para ajudar aqueles que tanto precisam.

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer ficar bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Deputa Federal Renata Abreu Visita Engenheiro Coelho
Jornal Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui para receber gratuitamente os principais conteúdos da Gazeta Regional no seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado. Quer saber mais sobre Notícias de Campinas e Região? Clique aqui

Continue lendo

Entretenimento

Passeio na Serra da Mantiqueira com vista para os vinhais

Publicados

em

Quem está em busca de um destino próximo e cheio de encantos, precisa conhecer a Vinícola Terrassos, localizada na Serra da Mantiqueira, em Amparo. Localizada cerca de 40 minutos de Jaguariúna e arredores, a vinícola é ideal para uma programação em família, amigos ou casal.

Possui diferentes experiências, como por exemplo, o tour guiado, degustação de vinhos, sunsets, restaurante à la carte, wine bar, e um delicioso piquenique. Tem para todo perfil.

O piquenique é uma ótima opção para um passeio leve. Pode se limitar a algo familiar, podendo levar até o seu pet, ou se estender para algo mais romântico. Depende do intuito do visitante.

LEIA TAMBÉM:

Por isso, nesta experiência, há pelo menos cinco opções de cestas que servem entre duas e quatro pessoas, sendo “Almoço na Mantiqueira”, “Cesta Entardecer”, “Almoço em família” e as vips “Almoço Cambará” e “Entardecer Cambará”. Os valores variam entre R$270 e R$540.

A cesta vem com a toalha, pratos, talheres, guardanapo, copos e taças. Para acompanhar tudo isso, leve uma boa companhia e escolha o local onde desfrutar desse momento. Pode ser próximo ao córrego, com os pés na água; em frente ao vinhedo; ou nas proximidades do restaurante, onde é possível desfrutar de uma belíssima paisagem montanhosa.

Mas, caso queira apenas visitar a Vinícola, sem consumir nenhuma experiência, será cobrado um valor de entrada que dá direito à degustação dos vinhos. Para fazer apenas a visitação não é necessário reserva, apenas se quiser fazer o Tour Guiado ou alguma outra atividade oferecida pela vinícola, assim como piquenique e almoço.

Para mais informações, acesse o site ou as redes sociais da Vínicola. Fique com estas fotos de um piquenique com a cesta “Almoço na Mantiqueira”.

Horários de atendimento:
Visitação e loja:
Segunda à quinta: 10h às 16h30
Sexta: 11h às 17h
Sábado: 11h às 19h
Domingo e feriados: 11h às 18h

Tour guiado:
Terça a quinta: 14h
Sexta a domingo e feriados: 11h e 15h

Degustação:
Sexta a domingo e feriado

Piquenique e restaurante:
Sexta a domingo e feriados

Wine Bar:
Quinta: 10h às 16h30
Sexta a domingo e feriados: a partir das 12h.

Serviço
Vinícola Terrassos
Reservas: (19) 98936-2660
Rodovia SP352 Km 137
Amparo

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer ficar bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Deputa Federal Renata Abreu Visita Engenheiro Coelho
Jornal Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui para receber gratuitamente os principais conteúdos da Gazeta Regional no seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado. Quer saber mais sobre Notícias de Campinas e Região? Clique aqui

Continue lendo
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Últimas Notícias