Conecte-se conosco

Campinas

Golpe que desviou R$7,4 milhões de conta bancária é o 1º que Campinas leva na história: ‘Vai fazer falta’, diz secretário

Publicados

em

Titular da pasta de Finanças, Aurílio Caiado garante que nenhum pagamento ficará em atraso. Polícia Civil ouvirá servidores e funcionários do banco, segundo delegado.

O golpe que desviou R$7,4 milhões de uma conta bancária da Prefeitura de Campinas foi o primeiro aplicado desta forma contra a administração da metrópole, segundo o secretário de Finanças, Aurílio Caiado. Apesar de admitir que o montante fará falta, o titular da pasta afirma que não haverá atraso em pagamentos.

“Se você me perguntar se vai fazer falta, é claro que vai fazer falta, são R$7 milhões. (…) Agora, a prefeitura vai ter que atrasar algum pagamento, algum compromisso por isso? Felizmente não”, afirma o secretário.

O dinheiro levado estava em uma conta do Banco do Brasil que a prefeitura usa para receber o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) pago pelos moradores. A quantia serviria para realizar pagamentos de diversas ordens, desde contratos à folha salarial.

“Essa conta não é usada para fazer nenhum tipo de pagamento da prefeitura, ela só recebe. Ao final de alguns dias, a Secretaria de Finanças faz uma TED [transferência] dessa conta para outra da prefeitura, chamada conta de movimento, onde são feitos os pagamentos”

explica o secretário

Um boletim de ocorrência foi registrado pela Prefeitura de Campinas na segunda-feira, 28, e a Polícia Civil apreendeu dois computadores da Secretaria de Finanças para realizar perícia. Segundo o delegado responsável pela apuração, servidores públicos e funcionários do banco serão ouvidos.

O Banco do Brasil, responsável pela conta, reforçou que não há registro de invasão no sistema da instituição e que o ressarcimento à prefeitura vai depender de uma análise da área técnica a partir das movimentações financeiras da prefeitura – leia a nota ao fim da reportagem.

O dinheiro foi furtado por meio de 60 transferências bancárias por TED e PIX para dezenas de contas físicas e jurídicas na sexta-feira, 25. Caiado informa que, ao todo, 64 transferências foram feitas, mas quatro não foram concluídas.

“Nós estamos com todos os nossos pagamentos em dia. O orçamento da prefeitura, a quantidade de tudo que ela arrecada e que vem de transferências, se somar tudo dá mais de R$ 300 milhões por mês. Então nós temos alguma reserva, que é uma pequena reserva, exatamente para manter todos os pagamentos em dia”

diz o secretário

Casos em outras cidades
Apesar de ser a primeira vez na história que a Prefeitura de Campinas é vítima deste crime, o secretário de Finanças disse que recebeu notícias de que outras administrações municipais já sofreram o golpe. Os casos citados por Caiado foram acompanhados pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) em fevereiro do ano passado, quando prefeituras de cidades de Santa Catarina (SC) teriam sido vítimas.

“É uma coisa que a Prefeitura de Campinas nunca tinha sofrido. É a primeira vez, mas me parece que é um golpe que está sendo praticado com algum sucesso em outras prefeituras”, argumenta.

O G1 questionou o Banco do Brasil sobre os golpes contra prefeituras em Santa Catarina, mas não recebeu resposta.

Possível ataque hacker, diz polícia
O caso é investigado pela Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Campinas. O delegado titular da unidade afirmou que o primeiro passo é a perícia nos computadores, mas também irá colher depoimentos.

“Vou ouvir os funcionários [do setor financeiro da prefeitura], não sei quem são e nem quantos são, isso ainda vou verificar, porque na verdade o primeiro passo é a perícia nos computadores, tentar identificar de onde partiu a invasão”

diz

“Também vão ser chamados todos os gerentes responsáveis pela conta da prefeitura”, completa o delegado.

O investigador também analisou que é cedo para traçar hipóteses. “É muito cedo para afirmar, mas acredito que foi mesmo um hacker ou qualquer coisa do tipo, é a impressão que tenho”, diz.

Quem identificou a fraude?
Segundo Caiado, dois funcionários da Secretaria de Finanças detectaram o golpe ainda na sexta-feira. Em entrevista à EPTV, o secretário afirmou que ambos são concursados e têm 20 anos de serviços na prefeitura.

“Os dois funcionários que sofreram esse golpe estão na Secretaria de Finanças há mais de 20 anos, estão no setor financeiro da secretaria há mais de 20 anos. São pessoas de extrema confiança (…) e eles que detectaram isso”.

O secretário pediu à empresa de segurança em informática um relatório de uso dos computadores com acesso à recursos financeiros.

O Banco do Brasil
Em nota, a instituição disse que segue colaborando com as investigações no âmbito de sua atuação. “O BB reforça que não há registro de invasão aos seus sistemas nesse tipo de fraude, que normalmente se desenvolve por meio de engenharia social”.

“O ressarcimento – ou não – é definido em análise da área técnica do BB com foco nas movimentações da parte reclamante. Ao final desse processo, e com base nas conclusões dessa apuração, são definidas as responsabilidades das partes envolvidas na ocorrência”.

“Para agregar maior efetividade a esse processo, é importante que os clientes mantenham suas credenciais (senhas e códigos de acesso) em total segurança, bem como façam uso de equipamentos confiáveis, livres de vírus e programas de captura de senhas”, completa o banco.

Fonte: Golpe que desviou R$ 7,4 milhões de conta bancária é o 1º que Campinas leva na história: ‘Vai fazer falta’, diz secretário | Campinas e Região | G1 (globo.com)

Campinas

Campinas é a primeira cidade a instalar totens do TCESP sobre Desenvolvimento Sustentável

Publicados

em

A Prefeitura de Campinas, em parceria com o Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP), instalou na sexta-feira, 14, os totens comemorativos aos 100 anos da Corte de Contas paulista com conteúdo interativo sobre a Agenda 2030 e dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU.

Agora, os cidadãos campineiros poderão se informar e acompanhar esses conteúdos no Parque Portugal, localizado à Avenida Dr. Heitor Penteado, 1671. A área, popularmente conhecida como Lagoa do Taquaral, constitui um dos mais importantes espaços de lazer do município, com espaços recreativos, culturais e esportivos.

Totens nas cidades
Como parte das comemorações de seu centenário, o TCESP realiza esta ação especial nas cidades em que possui suas sedes, como a capital paulista e as 20 localidades onde estão suas Unidades Regionais.

Além de Campinas, a primeira a instalar os equipamentos, também receberão seus totens ao longo deste mês as cidades de São Paulo, Adamantina, Andradina, Araçatuba, Araraquara, Araras, Bauru, Fernandópolis, Guaratinguetá, Itapeva, Ituverava, Marília, Mogi Guaçu, Presidente Prudente, Registro, Ribeirão Preto, Santos, São José dos Campos, São José do Rio Preto e Sorocaba.

LEIA TAMBÉM:

O TCESP, com isso, efetiva um de seus programas, o “Faça Parte – ODS”, envolvendo o Tribunal de Contas, o Governo do Estado de São Paulo, o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), a Secretaria Municipal do Verde e Meio Ambiente da Prefeitura da Cidade de São Paulo, o Tribunal de Contas do Município de São Paulo e prefeituras dos 20 municípios participantes.

A iniciativa foca na escolha de espaços públicos, de convivência dos municípios, como forma de engajamento social na temática desenvolvimento sustentável, englobando seus mais variados aspectos, quais sejam: meio ambiente, instituições eficazes, educação, saúde e bem-estar.

Os textos foram desenvolvimentos pelo Observatório do Futuro e pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento. Por estarem instalados em locais de grande circulação, os cidadãos poderão usufruir das informações, interagir e saber mais sobre os conteúdos das ODS usando os QR codes e ainda deixar registrada sua visita com uma foto em um ‘painel instagramável’.

Observatório do Futuro
O Observatório do Futuro do TCESP foi criado para auxiliar o Estado e as Prefeituras na implementação da Agenda 2030 e também para acompanhar a evolução desse processo nos dois níveis de governo.

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, por sua vez, são o caminho proposto para a efetivação da Agenda 2030. Com 17 objetivos e 169 metas, os ODS estão fundamentados nos três pilares do desenvolvimento sustentável: crescimento econômico, inclusão social e proteção ao meio ambiente.

Para isso, o núcleo de monitoramento dos ODS desenvolve estudos e atividades de capacitação de servidores, colaborando ainda na sistematização e divulgação de dados e de boas práticas. Uma cartilha já foi elaborada para explicar o que são os ODS e como o TCESP pode ajudar Prefeitos e Governo do Estado a aderir ao projeto.

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer ficar bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Deputa Federal Renata Abreu Visita Engenheiro Coelho
Jornal Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui para receber gratuitamente os principais conteúdos da Gazeta Regional no seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado. Quer saber mais sobre Notícias de Campinas e Região? Clique aqui

Continue lendo

Campinas

Paulo Rosa disputa título do 1º turno no Campeonato San Marino Fuzzy Açaí

Publicados

em

Piloto de Paulínia vai em busca da vitória e da liderança na categoria F4 Master neste sábado

O piloto Paulo Rosa (Sorvetes Jundiá / Fuzzy Açaí / HB Brasil / Navarro Kart Race) vai em busca do título do primeiro turno e da liderança da categoria F4 Master na 5ª etapa do Campeonato San Marino Fuzzy Açaí, no Kartódromo San Marino, em Paulínia, neste sábado, 22. A rodada encerra o primeiro turno da competição e Rosa está na disputa pelo título da categoria.

Com 51 pontos válidos, o piloto de Paulínia ocupa a segunda colocação na F4 Master, a apenas seis pontos do líder, Luiz Antonio Cervone. As disputas da F4 Master começam às 10h e terão transmissão ao vivo pelo canal no YouTube do Kartódromo San Marino.

LEIA TAMBÉM:

“Eu e minha equipe estamos muito confiantes para essa quinta etapa, que será decisiva para o primeiro turno do campeonato. É uma competição com grandes pilotos no grid e isso nos desafia e motiva ainda mais”, disse o piloto.

O Campeonato San Marino Fuzzy Açaí é disputado em nove etapas, divididas em dois turnos. A final será no dia 30 de novembro. A competição é uma das principais do Estado de São Paulo, com chancela e supervisão da FASP (Federação de Automobilismo de São Paulo).

Natural de Santo André (SP) e morador de Paulínia, Paulo Rosa acumula vários títulos ao longo da carreira, como os de campeão da Copa KTT 2016 e 2017 e da Copa Só Pneus Goodyear Pé de Chumbo 2018. Em 2022, foi 5º colocado no Campeonato Brasileiro disputado em Itu.

O piloto conta com o patrocínio e apoio de Sorvetes Jundiá, Fuzzy Açaí, HB Brasil e Navarro Kart Race.

Fotos: Photorace/Fernando Camargo

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer ficar bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Deputa Federal Renata Abreu Visita Engenheiro Coelho
Jornal Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui para receber gratuitamente os principais conteúdos da Gazeta Regional no seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado. Quer saber mais sobre Notícias de Campinas e Região? Clique aqui

Continue lendo

Campinas

Parque Dom Pedro inicia campanha de arrecadação de agasalhos

Publicados

em

Doações podem ser feitas até 07 de julho em todas as entradas do empreendimento; material será destinado ao Instituto Padre Haroldo

Nesta sexta-feira, 21, inicia o inverno, estação marcada pelas baixas temperaturas, que muitas vezes colocam em risco àqueles em situação de vulnerabilidade. Para aquecer essas pessoas, o Parque Dom Pedro iniciou a campanha Vem Doar Agasalho.

Até 07 de julho, os visitantes poderão doar em todas as entradas do shopping (Flores, Águas, Colinas, Pedras e Árvores) itens de vestuário masculino, feminino e para crianças, além de cobertores. Todo o material arrecadado será destinado ao Instituto Padro Haroldo, que encaminhará para as famílias necessitadas de Campinas e região.

LEIA TAMBÉM:

“Nossa expectativa é superar as doações do último ano, quando coletamos mais de 2,5 mil peças. O Parque Dom Pedro é referência na Região Metropolitana de Campinas e tem a responsabilidade social como um de seus pilares, realizando e incentivando ações que contribuam com a sociedade”, afirma Taís Tavares, gerente de marketing do Parque Dom Pedro, administrado pela ALLOS – a mais inovadora plataforma de experiências, entretenimento, serviços, lifestyle e compras da América Latina.

Neste mês, o Parque Dom Pedro realizou uma campanha para os atingidos pelas enchentes do Rio Grande do Sul que arrecadou mais de 2 toneladas de alimentos, roupas e itens. “Normalmente nossa campanha do agasalho começa em maio, para que os itens já estejam com as pessoas que necessitam dessas doações no início do inverno. Porém, em razão dessa campanha emergencial para o Rio Grande do Sul, acabamos adiando. Confiamos na solidariedade de nossos visitantes para mais esta ação, para que, juntos, consigamos superar a campanha do agasalho do último ano, cuidando daqueles que mais precisam”, complementa Taís.

Serão recebidas peças de vestuário masculino, feminino, infantil e cobertores, que podem ser usados e em bom estado, e roupas íntimas, que devem ser itens novos, sem uso. Também é importante a doação de acessórios como gorro, cachecol e pares de meias e luvas.

De acordo com dados da Prefeitura de Campinas, o município conta com mais de 135 mil famílias cadastradas no Cadastro Único, programa que insere pessoas em situação de vulnerabilidade para receber benefícios assistenciais, além de 1,3 mil pessoas em situação de rua.

Serviço: “Campanha Vem Doar Agasalho – Parque Dom Pedro”
Data: até 07/07
Horário para doação: Segunda a Sábado, das 10h às 22h. Domingos e Feriados, das 12h às 20h
Local: Parque Dom Pedro – entradas Flores, Águas, Colinas, Pedras e Árvores
Endereço: Av. Guilherme Campos, 500, Jardim Santa Genebra – Campinas

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer ficar bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Deputa Federal Renata Abreu Visita Engenheiro Coelho
Jornal Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui para receber gratuitamente os principais conteúdos da Gazeta Regional no seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado. Quer saber mais sobre Notícias de Campinas e Região? Clique aqui

Continue lendo
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Últimas Notícias