Conecte-se conosco

Campinas

Ocupação da rede hoteleira da região da Região de Campinas fecha 2022 acima de 2019

Publicados

em

Taxa média no ano passado foi de 57,19%; em setembro, índice atingiu 53,44%

A hotelaria da Região Metropolitana de Campinas (RMC) foi fortemente beneficiada pela volta da demanda represada de eventos corporativos, sociais, culturais e festas de casamentos e formaturas no ano de 2022. A pesquisa mensal realizada pelo Campinas e Região Convention & Vistors Bureau (CRC&VB) indica que a rede hoteleira regional fechou o ano passado com média de 57,19% na taxa de ocupação, superior aos 50,51% de 2019, quando já vinha em uma curva de ascensão.

O levantamento mensal conta com dados disponibilizados por 31 hotéis de várias categorias, que oferecem mais de 2 mil Unidades Habitacionais (UHs). Douglas Marcondes, diretor de hotelaria do CRC&VB, explica que a taxa anual representa uma média de todos os estabelecimentos, sendo que em muitos hotéis a taxa final do ano foi acima do índice do setor. “Mas, no geral, foi um ano espetacular”, explica.

Em dezembro, a taxa de ocupação foi de 53,44%, e um RevPar de R$ 233,44, números acima de 2021 (46,37%) e também superior a dezembro de 2019 (44,40%).

LEIA TAMBÉM:

Na avaliação da entidade, que tem como principal papel fomentar os negócios e o turismo regional, o crescimento da hotelaria no ano passado era esperado em razão da forte demanda represada por quase dois anos. “O resultado de 2022 até superou nossas expectativas”, admite Marcondes.

Para 2023, o diretor de hotelaria do CRC&VB projeta um ano de grande expectativa e de cautela ao mesmo tempo. “Neste ano, ao contrário do ano passado, não temos tanta demanda represada por eventos e festas, especialmente nos dois primeiros meses, embora exista uma demanda firme e forte para o ano todo”, afirma.

“Precisamos ter cautela, para saber como será o desempenho da economia mundial e nacional, que acabam refletindo de alguma forma no setor como um todo, principalmente no caso dos eventos corporativos, já que contamos com muitas multinacionais na região”, explica “Mas sem frear ações de marketing, comerciais e de fomento de eventos culturais e esportivos”, complementa Marcondes.

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer ficar bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Deputa Federal Renata Abreu Visita Engenheiro Coelho
Jornal Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui para receber gratuitamente os principais conteúdos da Gazeta Regional no seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado. Quer saber mais sobre Notícias de Campinas e Região? Clique aqui

Campinas

Secretaria de Agricultura de SP inaugura sexta unidade do AptaHub

Publicados

em

A nova unidade, instalada em Campinas, reforça a referência da cidade no ecossistema paulista de inovação para o agronegócio

A rede de ambientes de inovação do agro, inaugurou nesta segunda-feira, 27, o AptaHub Campinas – Taquaral, unidade que faz parte de um ecossistema de espaços criados no estado de São Paulo para apoiar e acelerar a inovação na agricultura tropical e agroalimentar, contribuindo para o cumprimento da agenda climática.

A iniciativa é realizada pela Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (Apta), órgão da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, com execução do Cietec e coexecução de Wylinka e ImpactHub. O investimento total do AptaHub é de R$13,5 milhões, que contempla a construção de sete espaços no Estado.

A sexta unidade do APTAHUB é também o quarto espaço com sede na cidade de Campinas direcionada ao desenvolvimento de tecnologias para o agronegócio, sendo elas: AptaHub Campinas – Gramado, AptaHub Campinas – Itapura e o Escritório de Inovação. “A cidade de Campinas parece ser criada e pensada para ser berço de desenvolvimento de pesquisas. Não tem lugar mais acertado para sediar nossos institutos.”, enfatizou o secretário executivo de Agricultura e Abastecimento de São Paulo, Edson Fernandes, durante a abertura do evento.

LEIA TAMBÉM:

A sétima unidade está prevista para ser inaugurada no mês de agosto, na sede do Instituto Biológico, na capital paulitas. “É de extrema importância que possamos estabelecer facilitadores na nossa pesquisa, fortalecendo espaços que proporcionem o diálogo e promova avanços neste âmbito”, ressaltou Edson Fernandes.

O lançamento da unidade mobiliza atores do ecossistema local, como empreendedores, pesquisadores e representantes de empresas e de instituições do agro de Campinas, entre outras cidades da região metropolitana, como Paulínia, Hortolândia, Valinhos, Indaiatuba e Vinhedo.

O encontro também reuniu diretores dos Núcleos de Inovação Tecnológica (NITs) e dos sete Institutos que integram a Apta — Instituto Agronômico (IAC), Instituto Biológico (IB), Instituto de Economia Agrícola (IEA), Instituto de Pesca (IP), Instituto de Tecnologia de Alimentos (Ital), Instituto de Zootecnia (IZ) e Apta Regional.

No evento, o secretário executivo de Agricultura e Abastecimento, Edson Fernandes, e o coordenador da Apta, Carlos Nabil Ghobril, e demais autoridades presentes, fizeram o descerramento da placa do ambiente AptaHub Campinas – Taquaral, inaugurando oficialmente a unidade.

No cenário do agronegócio da região metropolitana de Campinas a cana-de-açúcar e o café predominam, além da fruticultura. A produção de carne de frango tem importância expressiva também, favorecendo o desenvolvimento de inovações tecnológicas que venham impulsionar os negócios destes segmentos do agro.

Sobre o APTAHUB
O Apta Hub é uma rede de ambientes de inovação do agro vinculada à Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo e à Apta (Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios), organização de pesquisa científica e tecnológica focada no agro, composta por sete Instituições Científicas e Tecnológicas (ICTs): IAC, IB, IEA, IP, Ital, IZ e Apta regional.

Um hub que conecta institutos, pesquisadores, empreendedores, investidores, startups, empresas e produtores rurais de São Paulo e desenvolve soluções, a fim de apoiar e acelerar a inovação na agricultura tropical e agroalimentar em São Paulo e no Brasil e o cumprimento da agenda climática, impactando positivamente a sociedade e tornando o segmento mais competitivo, sustentável e transformador.

Com atuação centrada em espaços abertos e colaborativos em Campinas, Ribeirão Preto, São Paulo e Santos, o AptaHub irá ampliar o alcance ao conhecimento e à inovação gerados pelos Institutos de pesquisa da Apta, garantir formação e educação continuada para a geração de soluções inovadoras, além de formação e aceleração de negócios, promoção de parcerias estratégicas e acesso a investimentos que possibilitem o desenvolvimento das novas tecnologias que se transformem em novos negócios.

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer ficar bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Deputa Federal Renata Abreu Visita Engenheiro Coelho
Jornal Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui para receber gratuitamente os principais conteúdos da Gazeta Regional no seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado. Quer saber mais sobre Notícias de Campinas e Região? Clique aqui

Continue lendo

Campinas

LBV mobiliza doações de material escolar para estudantes do Rio Grande do Sul

Publicados

em

A Legião da Boa Vontade inicia uma nova etapa de sua campanha LBV — SOS Calamidades em prol das famílias do Rio Grande do Sul. Com a retomada das aulas em algumas escolas no Estado gaúcho, agora a LBV está mobilizando doações de material escolar e de livros didáticos infantis para auxiliar as famílias e motivar os estudantes no retorno às aulas. Os kits escolares a serem entregues vão conter os seguintes itens:

 Caderno universitário de 1 matéria
 Caderno brochura
 Caderno de desenho
 Lápis preto
 Caneta esferográfica azul
 Canetas hidrográficas coloridas (12 cores)
 Giz de cera pequeno (12 cores)
 Caixa de lápis de cor grande (12 cores)
 Régua plástica 30 cm
 Tubo de cola bastão pequeno
 Apontador com depósito
 Borracha branca pequena
 Estojo

As doações podem ser feitas via Pix Solidário: e-mail: [email protected].

LEIA TAMBÉM:

Doações entregues no RS
Até o momento, a LBV já arrecadou e enviou, graças à ajuda de doadores, colaboradores, parceiros, influenciadores, voluntários e da população em geral, mais de 380 toneladas em doações para o Estado gaúcho. Os donativos estão sendo entregues diretamente a famílias, em abrigos, escolas e para entidades parceiras.

Acompanhe a entrega das doações
Acesse o site www.lbv.org.br ou @lbvbrasil no Facebook e no Instagram.

Solidariedade
A Legião da Boa Vontade também se solidariza e ora por todas as pessoas e famílias afetadas pelas chuvas e por todo povo do Rio Grande do Sul.

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer ficar bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Deputa Federal Renata Abreu Visita Engenheiro Coelho
Jornal Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui para receber gratuitamente os principais conteúdos da Gazeta Regional no seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado. Quer saber mais sobre Notícias de Campinas e Região? Clique aqui

Continue lendo

Campinas

Feriado de Corpus Christi deve colocar 780 mil veículos nas rodovias do Corredor Dom Pedro

Publicados

em

Rota das Bandeiras realizará operação especial de tráfego durante o feriado prolongado. A indicação é para que os motoristas evitem viajar nos horários de pico, especialmente na saída para o feriado, na quarta-feira, 29

O feriado prolongado de Corpus Christi, entre os dias 29 de maio e 02 de junho, deve colocar 780 mil veículos nas rodovias do Corredor Dom Pedro e a Concessionária Rota das Bandeiras, responsável pela administração da malha rodoviária, preparou uma operação especial de tráfego para garantir uma viagem segura e tranquila aos motoristas.

LEIA TAMBÉM:

Nesse feriado, a principal novidade para os motoristas é a liberação do tráfego nas faixas adicionais da rodovia D. Pedro I (SP-065), no trecho entre os km 74 e 80. A terceira faixa de rolamento nesse trecho garante maior fluidez para o tráfego em uma região que recebe grande fluxo de veículos pesados em razão do entroncamento com a rodovia Fernão Dias (BR-381). O tráfego no local começou a ser liberado a partir do último dia 13 de maio e estará totalmente livre, em ambos os sentidos, até o próximo dia 31, após a conclusão das obras executadas pela Concessionária.

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer ficar bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Deputa Federal Renata Abreu Visita Engenheiro Coelho
Jornal Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui para receber gratuitamente os principais conteúdos da Gazeta Regional no seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado. Quer saber mais sobre Notícias de Campinas e Região? Clique aqui



De acordo com a Rota das Bandeiras, o motorista deve programar sua viagem a fim de evitar os horários de maior fluxo de veículos, quando pontos de lentidão poderão ser registrados. A expectativa da Concessionária é de que o pico de movimento nas rodovias seja registrado na véspera do feriado, no dia 29 de maio, das 15h às 22h, e na quinta-feira, dia 30, das 7h às 12h. No domingo, dia 2, a volta para casa também deverá registrar maior fluxo de veículos a partir das 14h.

“É importante que o motorista programe sua viagem com antecedência para evitar qualquer tipo de transtorno. Além de evitar os horários de pico, esse planejamento inclui a manutenção preventiva do veículo, com a verificação da calibragem dos pneus, níveis de óleo e água, além da verificação do sistema de iluminação e palhetas”, explica o coordenador de Operações da Rota das Bandeiras, Murilo Perez.

Durante todo o feriado, guinchos e viaturas de resgate da Concessionária estarão posicionados em pontos estratégicos da malha rodoviária para garantir maior agilidade no atendimento às ocorrências. Já as obras que exigem qualquer tipo de interdição de faixas serão suspensas nos dias de saída para o feriado e volta para casa.

Continue lendo
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Últimas Notícias