Conecte-se conosco

Campinas

Diagnóstico da saúde na RMC indica necessidade do Hospital Metropolitano

Publicados

em

O Hospital Metropolitano está em pauta desde outubro passado

Estudo apresentado ao Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Campinas (RMC), em evento realizado na sexta-feira, 17, em Campinas, revela a necessidade da construção do Hospital Metropolitano, um dos projetos discutidos e aprovados pelo colegiado de prefeitos. O levantamento sobre a saúde na RMC, elaborado pela Unicamp, integra um pacote de seis áreas estruturantes de coleta de dados e diagnósticos do projeto Infratech – Gestão Pública Inteligente, do Instituto Movimento Cidades Inteligentes (IMCI), que auxilia as ações do Conselho de Desenvolvimento.

O evento aconteceu no Royal Palm Hall e foi comandado pelo presidente do Conselho de Desenvolvimento da RMC e prefeito de Jaguariúna, Gustavo Reis. A reunião contou com a presença do prefeito de Campinas, Dário Saadi, e de outros prefeitos, vereadores, deputados, secretários municipais e representantes de universidades.

Os secretários estaduais Jorge Lima, de Desenvolvimento Econômico, e Roberto de Lucena, de Turismo, além de José Police Neto, subsecretário de Assuntos Metropolitanos da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Habitação, e do presidente do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp), Rafael Cervone, também estiveram presentes.

LEIA TAMBÉM:

“O resultado desse trabalho (da Unicamp) chegou à conclusão de que há a necessidade do Hospital Metropolitano. O Hospital de Clínicas da Unicamp está superlotado, já perdeu sua função principal, e a nossa ideia é que, em parceria com a Unicamp, que já tem uma área de 50 mil metros quadrados, se construa ali uma nova unidade com 400 novos leitos, um investimento de cerca de R$ 400 milhões com custo de manutenção de mais R$ 400 milhões, mas é essencial para podermos melhorar o atendimento à população”, disse Gustavo Reis.

O diagnóstico da saúde na RMC foi apresentado pelo professor Oswaldo Grassiotto, diretor executivo da área da Saúde da Unicamp. “Dados da Rede Regional de Atenção à Saúde15 (RRAS15) em 2021 indicam que 81% das internações nos hospitais da rede de saúde na Região Metropolitana de Campinas ocorrem em caráter de urgência. A análise da evolução do número de leitos hospitalares SUS cadastrados de 2008 a 2021 indica uma queda progressiva nos leitos, de cerca de 19% até 2017”, explicou Grassiotto.

“Conforme se pode depreender das características da região e suas necessidades em saúde, um novo Hospital Regional Metropolitano localizado em Campinas se constitui em unidade de saúde que atenderá às expectativas de atendimento em saúde da população das cinco regiões de saúde e, em particular, das cidades da RMC e Circuito das Águas”, conclui o professor.

Já o secretário Jorge Lima destacou a necessidade da parceria do Estado com os municípios e de aceleração do processo de digitalização nas prefeituras. “Evoluímos na medicina, porém a estrutura de baixo está evoluindo muito pouco. Não dá mais para apostar em governos que não sejam digitais. Não dá mais para ter papel transitando em hospital. Temos que acelerar o processo de levar tecnologia para fora do mundo do negócio. A capacidade de inovação é enorme”, disse o secretário.

A saúde é o primeiro de seis setores estruturantes que integram os estudos da plataforma Infratech. Os demais são: segurança, educação, saneamento básico, energia e mobilidade, que também terão diagnósticos municipais apresentados ao longo deste ano.

“Através de diagnósticos elaborados para cada município, desenvolvidos em parceria com universidades e outros institutos, os dados coletados vão permitir a elaboração de diretrizes regionais e locais para uma melhor formulação de políticas públicas. Isso fará com que os municípios possam priorizar as demandas e até mesmo se antecipar a elas, por meio de planejamento estratégico. O resultado é mais qualidade de gestão e de serviços”, afirmou Luigi Longo, presidente do Instituto Movimento Cidades Inteligentes.

Infratech
A plataforma Infratech foi lançada em 2022, pelo Conselho de Desenvolvimento da RMC, com o objetivo de desenvolver os municípios com foco em inovação, economia, eficiência e transparência. O projeto já conta com a certificação de 44 representantes das prefeituras que participaram do curso Infratech e estão aptos à sistematização da coleta de dados, com segurança e de maneira normatizada.

O objetivo do Infratech é sensibilizar os agentes públicos para o entendimento dos benefícios que o adequado gerenciamento de dados pode trazer aos municípios e o impacto evolutivo que a tecnologia pode oferecer.

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer ficar bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Deputa Federal Renata Abreu Visita Engenheiro Coelho
Jornal Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui para receber gratuitamente os principais conteúdos da Gazeta Regional no seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado. Quer saber mais sobre Notícias de Campinas e Região? Clique aqui

Campinas

Campinas Innovation Week consolida cidade como epicentro da Inovação e Tecnologia

Publicados

em

Inova Trade Show realiza a décima edição e reafirma a liderança de Campinas na inovação sustentável

Campinas se consolida como epicentro da inovação entre os dias 10 e 14 de junho durante a Campinas Innovation Week (CIW). Este evento, que unirá quatro grandes encontros em um único local, contará com a Retail Conference, a Inova Trade Show, o TechStart Summit e a OiWeek. O evento de tecnologia e tendência, em comemoração aos 250 anos de Campinas, deve atrair mais de 10 mil pessoas, entre empresários, empreendedores, governantes, investidores, startups, gestores públicos, especialistas, entre outros. A realização é da Prefeitura de Campinas em parceria com o Ministério de Empreendedorismo, a Associação Comercial e Industrial de Campinas (ACIC), a Fundação Fórum Campinas, a Venture Hub e a 100 Open StartUps.

O evento será realizado no prédio da Oficina de Locomotiva da Companhia Mogiana de Estrada de Ferro (Prédio do Relógio), uma área de mais de 7,5 mil metros quadrados. A participação é gratuita e a inscrição pode ser feita em www.campinasinnovationweek.com.br.

LEIA TAMBÉM:

Dentre os destaques da programação está o Inova Trade Show, em sua décima edição, que integra o ecossistema de inovação, sustentabilidade e empreendedorismo, destacando Campinas e região como um polo de excelência nacional e global. Promovido pela Fundação Fórum Campinas, entidade que reúne a representação das principais Instituições de Ciência e Tecnologia (ICT’s) da região de Campinas, além de universidades, associações empresariais e órgãos governamentais, o Inova Trade Show apresentará painéis como: “Inovação e Sustentabilidade: Construindo o Futuro a partir de Distritos Inteligentes”, “A Importância do Polo de Ciência, Tecnologia & Inovação & Sustentabilidade e o Impacto Econômico nos Setores de Eventos, Turismo e Entretenimento de Campinas e Região”, “Inovação Aberta: Visão, Cases e Futuro da Inovação Aberta nas Instituições Privadas de Ciência e Tecnologia”, “Finanças Verdes e ESG: Catalisadores para uma Economia Sustentável”, “Indústria e Tecnologia na Região de Campinas – Macrotendências 2040”, “Comunicação na Ciência, Tecnologia e Inovação”, “Oportunidades Internacionais para negócios”, “Impactando o ecossistema de inovação: visão das Instituições de Ciência e Tecnologia”, “Saúde Sustentável: Unimed Campinas e a Sustentabilidade Através da Inovação para Cuidar”, “O Futuro da Saúde: Perspectiva de Inovação Sustentável dentro do sistema Unimed”, “Transição energética e impactos sociais”, “Além dos Combustíveis Fósseis: Estratégias para uma Transição Energética Efetiva”, “Atlassian como Ferramenta para Inovação e Insights Team24” e “The AI Valley is Here!”.

No palco do agronegócio, os painéis: “Cadeia Agroalimentar Sustentável”, “O Futuro dos Alimentos, “Biodiversidade e Agricultura”, “Cases de Inovação Aberta no Setor Agrícola”, “Desvendando o ESG: desvendando seus pilares e o caminho para o futuro sustentável”, “Da demanda à Inovação: o caso do desenvolvimento da Plataforma ESG” e “Agro Brasileiro: Construindo um futuro com empreendedorismo sustentável”.

As apresentações serão centradas no tema ESG (Environmental, Social, and Governance), destacando sua importância global para a preservação ambiental e o bem-estar social.

Além dos três palcos simultâneos, o CIW também contará com estandes, área com ativações instagramáveis, lounge VIP, rodadas de negócios, exposição de startups, área de alimentação e sunset com DJs.

“Vamos realizar a décima edição do Inova Trade Show, reafirmando nossa posição como um polo de geração de conhecimento para sustentabilidade e economia verde”, afirma o presidente da fundação, Dr. Gurgel do Amaral.

“A economia verde tem se mostrado essencial para enfrentar os desafios ambientais atuais, promovendo práticas que reduzem as emissões de carbono, conservam a biodiversidade e utilizam recursos de forma mais eficiente. Além disso, ela impulsiona o desenvolvimento de novas tecnologias e modelos de negócios sustentáveis, criando oportunidades econômicas e de emprego em setores emergentes”, destaca Amaral.

Sobre a Fundação Fórum Campinas Inovadora
A Fundação Fórum Campinas Inovadora (FFCi) reúne as principais Instituições de Ciência e Tecnologia (ICT) da região de Campinas, associações empresariais e órgãos governamentais influentes no ecossistema de inovação local. Seu Conselho Superior tem 27 membros. O principal objetivo da FFCi é promover e ampliar a utilização da Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) para aumentar a competitividade e fortalecer o desenvolvimento socioeconômico regional e nacional.

Serviço:

Campinas Innovation Week

Data: 10 a 14 de junho
Onde: Pátio Ferroviário de Campinas
Endereço: Rua Dr. Sales de Oliveira, 1.380, Vila Industrial, Campinas (SP)
Inscrições: www.campinasinnovationweek.com.br
Rede Social: Instagram
Site Inova Trade Show: https://inovatradeshow.com.br/
Contato: [email protected]

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer ficar bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Deputa Federal Renata Abreu Visita Engenheiro Coelho
Jornal Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui para receber gratuitamente os principais conteúdos da Gazeta Regional no seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado. Quer saber mais sobre Notícias de Campinas e Região? Clique aqui

Continue lendo

Campinas

Secretaria de Agricultura de SP inaugura sexta unidade do AptaHub

Publicados

em

A nova unidade, instalada em Campinas, reforça a referência da cidade no ecossistema paulista de inovação para o agronegócio

A rede de ambientes de inovação do agro, inaugurou nesta segunda-feira, 27, o AptaHub Campinas – Taquaral, unidade que faz parte de um ecossistema de espaços criados no estado de São Paulo para apoiar e acelerar a inovação na agricultura tropical e agroalimentar, contribuindo para o cumprimento da agenda climática.

A iniciativa é realizada pela Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (Apta), órgão da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, com execução do Cietec e coexecução de Wylinka e ImpactHub. O investimento total do AptaHub é de R$13,5 milhões, que contempla a construção de sete espaços no Estado.

A sexta unidade do APTAHUB é também o quarto espaço com sede na cidade de Campinas direcionada ao desenvolvimento de tecnologias para o agronegócio, sendo elas: AptaHub Campinas – Gramado, AptaHub Campinas – Itapura e o Escritório de Inovação. “A cidade de Campinas parece ser criada e pensada para ser berço de desenvolvimento de pesquisas. Não tem lugar mais acertado para sediar nossos institutos.”, enfatizou o secretário executivo de Agricultura e Abastecimento de São Paulo, Edson Fernandes, durante a abertura do evento.

LEIA TAMBÉM:

A sétima unidade está prevista para ser inaugurada no mês de agosto, na sede do Instituto Biológico, na capital paulitas. “É de extrema importância que possamos estabelecer facilitadores na nossa pesquisa, fortalecendo espaços que proporcionem o diálogo e promova avanços neste âmbito”, ressaltou Edson Fernandes.

O lançamento da unidade mobiliza atores do ecossistema local, como empreendedores, pesquisadores e representantes de empresas e de instituições do agro de Campinas, entre outras cidades da região metropolitana, como Paulínia, Hortolândia, Valinhos, Indaiatuba e Vinhedo.

O encontro também reuniu diretores dos Núcleos de Inovação Tecnológica (NITs) e dos sete Institutos que integram a Apta — Instituto Agronômico (IAC), Instituto Biológico (IB), Instituto de Economia Agrícola (IEA), Instituto de Pesca (IP), Instituto de Tecnologia de Alimentos (Ital), Instituto de Zootecnia (IZ) e Apta Regional.

No evento, o secretário executivo de Agricultura e Abastecimento, Edson Fernandes, e o coordenador da Apta, Carlos Nabil Ghobril, e demais autoridades presentes, fizeram o descerramento da placa do ambiente AptaHub Campinas – Taquaral, inaugurando oficialmente a unidade.

No cenário do agronegócio da região metropolitana de Campinas a cana-de-açúcar e o café predominam, além da fruticultura. A produção de carne de frango tem importância expressiva também, favorecendo o desenvolvimento de inovações tecnológicas que venham impulsionar os negócios destes segmentos do agro.

Sobre o APTAHUB
O Apta Hub é uma rede de ambientes de inovação do agro vinculada à Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo e à Apta (Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios), organização de pesquisa científica e tecnológica focada no agro, composta por sete Instituições Científicas e Tecnológicas (ICTs): IAC, IB, IEA, IP, Ital, IZ e Apta regional.

Um hub que conecta institutos, pesquisadores, empreendedores, investidores, startups, empresas e produtores rurais de São Paulo e desenvolve soluções, a fim de apoiar e acelerar a inovação na agricultura tropical e agroalimentar em São Paulo e no Brasil e o cumprimento da agenda climática, impactando positivamente a sociedade e tornando o segmento mais competitivo, sustentável e transformador.

Com atuação centrada em espaços abertos e colaborativos em Campinas, Ribeirão Preto, São Paulo e Santos, o AptaHub irá ampliar o alcance ao conhecimento e à inovação gerados pelos Institutos de pesquisa da Apta, garantir formação e educação continuada para a geração de soluções inovadoras, além de formação e aceleração de negócios, promoção de parcerias estratégicas e acesso a investimentos que possibilitem o desenvolvimento das novas tecnologias que se transformem em novos negócios.

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer ficar bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Deputa Federal Renata Abreu Visita Engenheiro Coelho
Jornal Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui para receber gratuitamente os principais conteúdos da Gazeta Regional no seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado. Quer saber mais sobre Notícias de Campinas e Região? Clique aqui

Continue lendo

Campinas

LBV mobiliza doações de material escolar para estudantes do Rio Grande do Sul

Publicados

em

A Legião da Boa Vontade inicia uma nova etapa de sua campanha LBV — SOS Calamidades em prol das famílias do Rio Grande do Sul. Com a retomada das aulas em algumas escolas no Estado gaúcho, agora a LBV está mobilizando doações de material escolar e de livros didáticos infantis para auxiliar as famílias e motivar os estudantes no retorno às aulas. Os kits escolares a serem entregues vão conter os seguintes itens:

 Caderno universitário de 1 matéria
 Caderno brochura
 Caderno de desenho
 Lápis preto
 Caneta esferográfica azul
 Canetas hidrográficas coloridas (12 cores)
 Giz de cera pequeno (12 cores)
 Caixa de lápis de cor grande (12 cores)
 Régua plástica 30 cm
 Tubo de cola bastão pequeno
 Apontador com depósito
 Borracha branca pequena
 Estojo

As doações podem ser feitas via Pix Solidário: e-mail: [email protected].

LEIA TAMBÉM:

Doações entregues no RS
Até o momento, a LBV já arrecadou e enviou, graças à ajuda de doadores, colaboradores, parceiros, influenciadores, voluntários e da população em geral, mais de 380 toneladas em doações para o Estado gaúcho. Os donativos estão sendo entregues diretamente a famílias, em abrigos, escolas e para entidades parceiras.

Acompanhe a entrega das doações
Acesse o site www.lbv.org.br ou @lbvbrasil no Facebook e no Instagram.

Solidariedade
A Legião da Boa Vontade também se solidariza e ora por todas as pessoas e famílias afetadas pelas chuvas e por todo povo do Rio Grande do Sul.

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer ficar bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Deputa Federal Renata Abreu Visita Engenheiro Coelho
Jornal Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui para receber gratuitamente os principais conteúdos da Gazeta Regional no seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado. Quer saber mais sobre Notícias de Campinas e Região? Clique aqui

Continue lendo
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Últimas Notícias