Conecte-se conosco

Amparo

Ypê inicia projeto de restauração florestal na Bacia do Rio Camanducaia

Publicados

em

Iniciativa, em parceria com o Imaflora, aumentará a cobertura florestal na bacia com o objetivo de recuperar matas ciliares de rios e nascentes

A Ypê, empresa 100% brasileira e uma das maiores fabricantes de produtos de higiene e limpeza do país, dá início a mais uma importante parceria com foco em restauração florestal. Por meio do projeto Plantar Vida, com o Instituto de Manejo e Certificação Florestal e Agrícola (Imaflora), serão reflorestadas áreas prioritárias que compõem parte da Bacia do Rio Camanducaia para a recuperação das nascentes e aumento da oferta de água.

A Bacia do Rio Camanducaia abrange cerca de 1.000 km², integra 11 municípios e é responsável pelo abastecimento de, aproximadamente, 300 mil habitantes. O Plantar Vida tem o potencial de aumentar a biodiversidade na região e a possibilidade de sequestro de carbono visando a diminuição de riscos climáticos.

Na primeira fase do projeto serão avaliadas, dentro de uma área de 670 km², as áreas com déficit de mata nativa, sobretudo aquelas que ficam próximas às nascentes e aos rios e que precisam ser restauradas. As ações de plantio devem começar no segundo semestre de 2022.

O Plantar Vida também busca a mobilização e participação de produtores locais para o desenvolvimento da agricultura sustentável na Bacia do Rio Camanducaia e o engajamento de outros parceiros do poder público e privado da região. Em breve, encontros para diálogos e trocas de experiências serão propostas a fim de engajar a comunidade para trabalhar em conjunto.

“Somente com a responsabilidade compartilhada é que teremos êxito no cuidado com o nosso planeta. Este tem sido o foco de nossas iniciativas e parcerias em busca de um impacto positivo para a sociedade que está a nossa volta. O Plantar Vida é um projeto de restauração florestal idealizado pela Ypê, agora com foco em recuperar a vida nas nascentes da Bacia do Rio Camanducaia, um rio que faz parte do nosso cotidiano, margeando nossa matriz, em Amparo. Queremos plantar árvores nativas para que as nascentes de nossa região voltem a brotar água e para que nosso ecossistema possa ser recuperado, apesar das adversidades, porque água também é vida”, explica o presidente executivo da Ypê, Waldir Beira Júnior.

A Bacia do Rio Camanducaia integra a Bacia dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (PCJ). O Rio Camanducaia nasce no município de Toledo (MG) e tem sua foz no rio Jaguari, no município de Jaguariúna (SP). Os municípios de Toledo e Extrema, em Minas Gerais, e de Pedra Bela, Amparo, Monte Alegre do Sul, Pinhalzinho, Pedreira, Tuiuti, Santo Antonio de Posse, Holambra e Jaguariúna, em São Paulo, fazem parte desta Bacia.

SOBRE A YPÊ
Marca líder em importantes categorias no segmento de limpeza do Brasil, a Ypê possui uma linha completa de produtos para auxiliar nos cuidados com a roupa, a casa e o corpo. Com matriz localizada em Amparo, interior de São Paulo, conta com mais quatro unidades fabris: Salto (SP), Simões Filho (BA), Anápolis (GO) e Goiânia (GO). Fundada em 1950, a Ypê é uma empresa 100% brasileira com mais de 6.000 funcionários. A empresa é signatária do Pacto Empresarial pela Integridade e Contra a Corrupção, uma iniciativa do Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social. Exporta para mais de 10 países da América Latina, Ásia, África e Oriente Médio e ainda detém as marcas Atol, Assolan, Tixan e Perfex.

“Hoje estamos vivendo uma seca histórica em diversas regiões do Brasil, e isso está diretamente ligado à alteração do uso do solo e desmatamento. O Projeto Plantar Vida é um exemplo de ação que teremos que fazer daqui para frente se quisermos garantir água para as futuras gerações”, afirma Leonardo Sobral, Gerente Florestal do Imaflora. “A Organização das Nações Unidas declarou o período de 2021 a 2030 como a década da restauração de ecossistemas. O Brasil não pode perder essa oportunidade, a restauração florestal é uma alternativa importante para o desenvolvimento social, econômico e ambiental.”

SOBRE O IMAFLORA
O Instituto de Manejo e Certificação Florestal e Agrícola (Imaflora) é uma organização sem fins lucrativos, criada em 1995 sob a premissa de que a melhor forma de conservar as florestas tropicais é dar a elas uma destinação econômica, associada a boas práticas de manejo e à gestão responsável dos recursos naturais. O Imaflora busca influenciar as cadeias produtivas dos produtos de origem florestal e agrícola, colaborar para a elaboração e implementação de políticas de interesse público e, finalmente, fazer a diferença nas regiões em que atua, criando modelos de uso da terra e de desenvolvimento sustentável que possam ser reproduzidos em diferentes municípios, regiões e biomas do país.

Amparo

Neste sábado, Campanha do Agasalho em Amparo é itinerante

Publicados

em

No sábado, 28, das 9h às 16h, o Fundo Social de Solidariedade da Estância de Amparo realizará o Dia D da Campanha do Agasalho com arrecadação de cobertores, roupas e alimentos.

A arrecadação será itinerante e acontecerá nos bairros de Amparo e nos distritos de Arcadas e Três Pontes. Por isso, já separe sua doação! Continue acompanhando as redes sociais da prefeitura para ser informado sobre qual horário o carro da coleta vai passar no seu bairro.

Além dos carros de coleta, a equipe do Fundo Social de Solidariedade estará no ponto fixo de arrecadação, em frente à Prefeitura da Estância de Amparo, das 9h às 13h.

A Campanha do Agasalho 2022 é uma iniciativa da EPTV, e acontecerá neste dia em toda a região de Campinas. Em Amparo, a Rádio Cidade das Águas FM, e o Jornal A Tribuna estão apoiando a campanha.

Faça sua doação! Doar é um ato de amor!

Continue lendo

Amparo

Prefeitura de Amparo entrega dispositivos tecnológicos que monitoram diabetes em crianças e adolescentes

Publicados

em

Na terça-feira, 17, a Prefeitura de Amparo realizou o evento de lançamento do Programa Mais Controle, da Secretaria Municipal de Saúde. O programa Mais Controle é pioneiro na região, e oferece dispositivos de alta tecnologia que monitoram a glicemia de crianças e adolescentes portadores de diabetes tipo 1 sem a necessidade de “furar” o dedo, como ocorre com o glicosímetro comum.

O dispositivo foi entregue a 18 crianças e adolescentes de 4 a 21 anos que têm diabetes tipo 1, usam insulina e fazem acompanhamento pelo SUS com o endocrinologista da rede. O programa pode abranger até 40 pessoas nessa faixa etária em Amparo.

Além da entrega do sensor e do medidor, o programa também oferece suporte e atendimento completo aos usuários. Os dados registrados pelo dispositivo ajudam o médico endocrinologista a entender a diabetes do paciente, e assim prescrever um melhor tratamento para controle da doença.

No evento, enfermeiras do Aboott Laboratório, responsável pelo aparelho, capacitaram os usuários e seus familiares para usarem o produto da forma correta.

De acordo com Gilberto Ferreira Martins Júnior, secretário municipal de saúde, esse programa é a realização de um objetivo e uma conquista enorme para a cidade. “É um programa pioneiro no Estado de São Paulo e que aumenta muito a qualidade de vida dos pacientes. Favorece o monitoramento pelo médico, e quanto mais controle da doença os pacientes tiverem, mais liberdade eles terão.”, disse o secretário.

O objetivo do Programa Mais Controle é proporcionar qualidade de vida às pessoas desde o início do diagnóstico e no decorrer de sua infância e adolescência, aumentando, assim, a sobrevida e diminuindo as comorbidades que a diabetes pode causar

Continue lendo

Amparo

Vereadores de Amparo pedem à Alesp inclusão do município na Região Metropolitana de Campinas 

Publicados

em

Na sessão ordinária do dia 16 de maio, os vereadores do município de Amparo aprovaram a Moção nº 06/2022  direcionada à Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), referente ao Projeto de Lei Complementar que estabelece diretrizes para a Organização e Gestão Regional do Estado de São Paulo. “Este projeto vai criar aglomerações urbanas no Estado e entendemos que seja a oportunidade de incluirmos Amparo na Região Metropolitana de Campinas (RMC), uma vez que nossa cidade mantém importantes vínculos administrativos, comerciais e de serviços com a região, sendo do interesse de nossa cidade, há muito tempo, essa inclusão”, explica o presidente da Câmara, vereador Carlos Cazotti (MDB).

Na Moção, o texto ressalta que Amparo faz divisa com os municípios de Morungaba, Pedreira e Santo Antonio de Posse, que fazem parte da RMC e, “em razão de sua localização geográfica e fácil acesso às principais cidades que compõem a região administrativa, não se vislumbra motivo para integrar outra região que não seja de Campinas”.

De autoria do presidente da Câmara, Carlos Cazotti (MDB), o pedido foi assinado pelos demais vereadores André de Oliveira (PP); Antonio Cesar Mineiro (MDB); Edilson Santos (DEM); Edilson José (Dil – PSD); Edison Alves (PT), Pastor Elson Batista (PL); Farlin Conrado (MDB); Osmar Dorigan (MDB); Luiz Carlos (Carlitinho – PSDB) e Rosa Montini (PSDB). “Informamos ainda que, em uma reunião ocorrida em abril de 2021, foi aceita essa inclusão por 20 Prefeitos que integram a Região Metropolitana de Campinas”, finalizou o presidente.

Link da sessão: AQUI

Continue lendo
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Últimas Notícias