Conecte-se conosco

São Paulo

Empresários de restaurantes da RMC enxergam com alívio e apreensão a reabertura neste final de semana

Publicados

em

Segmento espera bom movimento no almoço; abertura à noite, até 20h, deve ter baixo impacto, avaliam

Com o fim da fase vermelha do Plano São Paulo, que fechou o comércio na semana passada e dois finais de semana em dezembro, restaurantes e bares voltam a abrir as portas para atendimento presencial neste final de semana na região de Campinas. A expectativa dos empresários do setor é de alívio por poder movimentar a casa e gerar vendas para pagar as contas e trazer de volta os funcionários. Ao mesmo tempo, causa apreensão o movimento no período noturno, já que o setor pode receber clientes somente até às 20h.

Fechado no último final de semana, até mesmo para delivery ou retirada, o Restaurante Vila Paraíso ficou sem faturamento. A abertura da casa neste final de semana é vista como um fator positivo pela Gerente de Marketing Fernanda Barreira. “A expectativa é de um movimento bom no horário de almoço de sábado e domingo”, acredita. Porém, a noite, com restrições de horário, é uma incógnita, segundo ela. “No período da noite o movimento anda bem baixo”, acrescenta.

O empresário Sérgio De Simone, da churrascaria Rancho Colonial Grill, também acredita em um movimento bom na hora do almoço. “Se tivermos um dia quente, é possível ter um sábado com cara de domingo e um domingo com movimento normal da casa”.

Já o funcionamento noturno causa apreensão no empresário. “A noite não espero nada. As pessoas estão mais recolhidas, sem grande movimento nas ruas, sem euforia”, explica, acrescentando: “não vejo dinheiro circulando na praça”. A casa funcionará com sistemas de delivery e retirada nos dois períodos.

Dino Ramos, sócio do Dom Brejas, vê a reabertura com alívio. “A expectativa de retomada é boa e deve ajudar muito neste momento delicado. “Com a reabertura, mesmo com as limitações, podemos voltar a comprar de nossos fornecedores e chamar funcionários extras novamente Pra gente deve ajudar muito.

Com cerca de 100 unidades no Brasil divididas em várias marcas, como Lanchão, Old Dog, XPicanha e Mix Potato, o diretor do Lanchão Brasil Roger Domingues vê a reabertura em duas perspectivas. No caso das lojas localizadas em shoppings centers, a expectativa de retomada é boa, já que elas permaneceram fechadas no último final de semana e com funcionamento restrito nos dias de semana. “Com o shopping reabrindo sábado e domingo, as lojas poderão ter faturamento em um momento delicado”, explica, ressaltando que as vendas não deverão ser grandes, com o receito das pessoas. “Tirar o pensamento negativo e de medo das pessoas ainda vai ser um pouco difícil. Todo o quadro da pandemia gerou um caos para os negócios”.

Para as lojas de ruas, ele diz que a fase laranja, onde o recebimento de clientes está limitado a até 20h, ele não enxerga um cenário positivo. “A parte noturna continua ruim para nós, uma vez que 20 horas é o horário em que as pessoas costumam sair de casa, mas não poderemos receber nos salões”. Para estes estabelecimentos, a aposta continua sendo as vendas por delivery, retirada e consumo no carro.

De acordo com a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes da Região metropolitana de Campinas (Abrasel RMC), a cada final de semana fechado com a fase vermelha o setor tem um prejuízo de R$ 80 milhões somente na RMC.

Com a regressão de fase nesta semana, com o comércio podendo funcionar, com restrições de horário à noite, este prejuízo deverá cair para R$60 milhões. Isso porque os bares, constituídos por sua grande maioria por micro e pequenos negócios e que representam cerca de 30% do setor, continuam impedidos de abrir para atendimento presencial. Outro fator importante é que o movimento noturno responde por 54% do consumo do setor de alimentação fora do lar, com pico entre 20h30 e 22h.

São Paulo

Kartódromo San Marino dá início à organização de competições para grupos, na modalidade rental

Publicados

em

Entre os serviços oferecidos estão equalização dos pesos dos pilotos, briefing, além de gestão do regulamento, da classificação e premiação, dentro do valor já praticado para bateria exclusiva

O Kartódromo Internacional San Marino, localizado em Paulínia, passa a organizar campeonatos para grupos exclusivos que utilizam karts de aluguel, conhecidos como rental. O centro esportivo poderá cuidar da equalização dos pesos dos pilotos, do briefing, e da gestão do regulamento, da classificação e premiação, para grupos de mínimo 12 participantes.

A iniciativa é uma nova frente de atuação no portfólio de serviços do San Marino, sem custo adicional para o valor de bateria exclusiva já praticado, que neste ano de 2024 é de R$155. O objetivo é estimular e facilitar a prática da modalidade, conforme o gestor do kartódromo de Paulínia, Paulo Maso. 

LEIA TAMBÉM:

“Queremos mostrar aos responsáveis desses grupos que é possível fazer campeonatos entre amigos, para que os praticantes de kart rental tenham um objetivo na modalidade e possam praticar o esporte com maior frequência. Com os campeonatos, os grupos poderão se reunir uma vez ao mês para competir, em traçados diferentes, sem se preocupar com a organização e sem que esse trabalho gere um custo adicional”, ressalta Maso.

Os grupos interessados devem procurar a equipe de recepção do San Marino, para obter mais informações, e fazer o agendamento prévio das 10 etapas da competição. Lembrando que os grupos devem contar com um número mínimo de 12 participantes, para um valor de bateria exclusiva de R$155 por piloto. O custo para a temporada 2025 será divulgado oportunamente.

O Kartódromo San Marino conta com campeonatos de kart regulares e itinerantes. A modalidade rental não exige experiência, sendo possível praticar o esporte a partir dos 13 anos de idade. Para agendamentos e mais informações, basta entrar em contato pelo telefone (19) 3833-1818 ou WhatsApp (19) 99119-9895. 

Serviço:
Kartódromo Internacional San Marino
Rua Armando Botasso, nº 1.200 – Betel – Paulínia (SP)

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer ficar bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Deputa Federal Renata Abreu Visita Engenheiro Coelho
Jornal Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui para receber gratuitamente os principais conteúdos da Gazeta Regional no seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado. Quer saber mais sobre Notícias de Campinas e Região? Clique aqui

Continue lendo

São Paulo

Governo de São Paulo lança campanha para reduzir mortes de pedestres

Publicados

em

Filósofo e professor Clóvis de Barros Filho é convidado do Detran-SP a ensinar transeuntes e motoristas: “Civilidade é o respeito de um pelo outro. Pratique, respeitando a faixa de pedestres”

Nos últimos cinco anos, 33.531 sinistros de trânsito tiveram pedestres como vítimas, apenas na cidade de São Paulo. O número de vítimas fatais na capital, na contagem iniciada em 2015, se aproxima de mil. Sem carroceria ou outra estrutura que o proteja, o pedestre é a parte mais vulnerável do trânsito, ao lado de ciclistas e motociclistas. Por isso, o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) determina que a prioridade na via é de quem está a pé. Mas nem sempre essa determinação tem o respeito devido. É para falar de respeito e para salvar vidas nas vias públicas que o Governo paulista, por meio do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP), ativa nesta terça-feira, 16, uma campanha educativa (https://youtu.be/UbUSavBnTwM) com o filósofo e professor Clóvis de Barros Filho, primeira parte de uma ampla política que concentrará esforços do órgão, autarquia vinculada à Secretaria de Gestão e Governo Digital (SGGD), pelos próximos anos.

“Civilidade é o respeito de um pelo outro. Pratique, respeitando a faixa de pedestres”, diz Clóvis de Barros Filho em uma das peças da campanha, que ficará mais de um mês em circulação. Com uma estratégia robusta de divulgação, que inclui TV, rádio, jornal impresso, mídia digital e externa (mobiliário urbano), a ação educativa terá ainda um Dia D, no dia Internacional do Pedestre, no 8 de agosto, com ações de conscientização desenvolvidas na rua.

LEIA TAMBÉM:

Nas diversas mídias pelas quais se espalhará, a campanha terá três fases, ao final das quais ações de reforço e fiscalização seguirão ativas. Uma das fases, que ocupará 20% do período de exibição e circulação das iniciativas e peças publicitárias, terá o fim das férias como foco. As outras duas fases, cada uma com 40% da mídia prevista para a campanha, terão motoristas e pedestres como foco. “Toda faixa de pedestres é um sinal. Sinal de respeito”, diz o slogan que finaliza as peças.

“Desenhamos uma campanha educativa para falar à alma do cidadão paulista. Quando as primeiras propostas foram trazidas, o nome do professor Clóvis de Barros Filho foi o que despontou. Juntos, salvaremos vidas. É nosso principal compromisso”, disse o diretor-presidente do Detran-SP, Eduardo Aggio, no evento de lançamento da campanha, na tarde desta terça, na B3.

“A faixa de pedestres representa não apenas um desafio para a integridade física e a vida, mas civilizacional. No dia em que todos respeitarem a faixa de pedestres, teremos alcançado um novo patamar de convivência entre os cidadãos, promovendo um comportamento de civilidade esperado em uma sociedade desenvolvida”, afirmou, lembrando que, ao dar passagem ao pedestre que se encontra na faixa, ele não está apenas exercendo a lei, mas também cumprindo seu papel de cidadão.

CTB: pedestre é prioridade
Ao lado de cidadania, ética é uma boa palavra para resumir a nova campanha do Detran-SP. Foi essa a disciplina ministrada por Clóvis Barros Filho de 2003 a 2014, quando professor da Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (USP), onde se tornou PhD em Comunicação. E é ela que o filósofo evoca para conscientizar a população sobre o dever de respeitar o pedestre e a faixa.

“Motorista: pare antes de toda faixa. Inclusive daquelas que não têm sinal”, diz o filósofo numa peça em que chama o condutor à responsabilidade. Responsabilidade prevista no Código de Trânsito Brasileiro: o CTB determina que a prioridade na via é de quem está a pé. A prioridade do pedestre é citada no artigo 70 do CTB, enquanto o 214 enquadra o desrespeito à passagem do transeunte como infração grave ou gravíssima.

A infração é grave, com multa de R$ 195,23 e 5 pontos na carteira nacional de habilitação (CNH), no caso de o pedestre estar em travessia fora da faixa a ele destinada ou atravessando a via transversal para onde se dirige o veículo. No caso de ser parte de um grupo prioritário (crianças, idosos, gestantes e portadores de deficiência física), de estar sobre a faixa ou em meio à travessia quando o semáforo abrir, trata-se de infração gravíssima, com multa de R$ 293,47 e 7 pontos na carteira. Já ameaçar um pedestre – anote aí o artigo 170 – é infração gravíssima e leva à suspensão da CNH.

Números do Infosiga, no entanto, mostram que as determinações do CTB são esquecidas. No estado de São Paulo, de acordo com o portal do Sistema de Informações Gerenciais de Sinistros de Trânsito, do Detran-SP, os pedestres representam o terceiro grupo mais atingido e, no recorte urbano, o segundo grupo, envolvido em um quarto dos sinistros (24,8%) em 2023.

Dados do Sistema Único de Saúde (SUS) confirmam o cenário: nos últimos dez anos, 337 mil internações por sinistro de trânsito tinham, na ficha médica, o nome de um pedestre como paciente, contra 129 mil de ciclistas e 130 mil de ocupantes de automóvel. Em números absolutos, quem anda a pé só perde, em vulnerabilidade, para quem se locomove em cima de uma moto. Mais de 1,1 milhão de motociclistas deram entrada em hospitais públicos na década entre 2014 e 2024.

“Empatia é se colocar no lugar do outro. Inclusive na hora de atravessar na faixa”, diz Clóvis em outro momento, em que chama a atenção do próprio pedestre. Afinal, há sinistros causados por transeuntes distraídos no celular.

Aula magna
O lançamento da campanha, na sede da B3, em São Paulo, contou com uma palestra de Clóvis de Barros Filho, além de uma premiére da campanha para jornalistas, autoridades do sistema de trânsito e funcionários do Detran-SP.

Clóvis de Barros Filho falou sobre respeito, ética e moral para o bem-estar de todos no trânsito e na sociedade. “A ética, na acepção original, da Grécia Antiga, era a régua para se medir o valor, a dignidade de uma vida. O respeito ao outro e à vida em sociedade, antes de ser uma questão de ética, é uma questão moral. Ou seja, é uma questão de consciência. A moral aparece em cena antes que haja alguém olhando. Se não, é medo. Moral não é polícia, patrulhamento digital, cancelamento. É consciência”, disse Clóvis.

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer ficar bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Deputa Federal Renata Abreu Visita Engenheiro Coelho
Jornal Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui para receber gratuitamente os principais conteúdos da Gazeta Regional no seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado. Quer saber mais sobre Notícias de Campinas e Região? Clique aqui

Continue lendo

São Paulo

“Síndico, Costela & Viola” reúne novas tecnologias, empresas, palestras e networking

Publicados

em

Evento acontece em Piracicaba é gratuito para síndicos, subsíndicos, conselheiros, zeladores, porteiros, tesoureiros, presidentes de associações residenciais, gerentes e gestores prediais

A cidade de Piracicaba recebe, no dia 27 de julho, o Café com Síndico, maior evento itinerante do setor de condomínios do estado de São Paulo, para a 1ª edição do “Síndico, Costela & Viola”. O evento é a partir das 8h, no Espaço Haras, é mais um evento do Circuito Gastronômico Condominial realizado pelo Café com Síndico Eventos, e engloba dentro dele o Circuito do Conhecimento que traz palestras, informação, reúne novas tecnologias, empresas e networking.

Os participantes poderão desfrutar de um almoço saboroso, incluindo a costela assada, que é preparada lentamente por 7 horas, além de arroz, salada e outras carnes. A entrada e alimentação é gratuita para síndicos, subsíndicos, conselheiros, zeladores, porteiros, tesoureiros, presidentes de associações residenciais, gerentes e gestores prediais.

LEIA TAMBÉM:

“Tudo isso em um espaço aconchegante e ambiente conectado à natureza, com a presença de diversos fornecedores de produtos e serviços para condomínios”, comenta Rafael Vieira, diretor do Café com Síndico, que avisa: “As demais pessoas que estiverem presentes, acompanhantes e filhos, a alimentação será cobrada a parte no valor de R$89,90 por pessoa. Crianças de 0 a 5 não pagam, de 6 a 10 pagam meia e acima de 10 anos pagam inteira.”

O evento ainda será animado por show de viola ao vivo com Gabriel Allan e terá área kids gratuita com monitor para as crianças e estacionamento gratuito. Ao final, serão sorteados diversos brindes, incluindo um prêmio especial no valor de R$1.000,00 para os participantes.

A programação conta também com palestras informativas gratuitas com formadores de opinião do segmento condominial e Clube de Negócios. Para garantir a vaga gratuita, entre no site do Café com Síndico ou escaneie o QR Code, preencha os dados e finalize sua inscrição para receber sua credencial em seu WhatsApp.

Síndico, Costela & Viola

Data: 27 de julho (Sábado)
Horário: a partir das 8h
Local: Espaço Haras
Endereço: Rod. Dep. Laércio Côrte, Km 136 – Piracicaba, Limeira
Link do GPS: https://maps.app.goo.gl/XoJB5rxey6JSQHGH7

ENTRADA GRATUITA para síndicos, subsíndicos, conselheiros, zeladores, porteiros, tesoureiros, presidentes de associações residenciais, gerentes e gestores prediais.

Garanta já sua vaga gratuita!
Clique no link abaixo e preencha as informações:
https://cafecomsindico.com/eventos

Siga o Café com Síndico nas redes sociais:
https://linktr.ee/cafecomsindico

Equipe Café com Síndico (19) 99766-9075

Siga a Gazeta Regional por meio das Redes Sociais

Acompanhe o Facebook da Gazeta, Clique aqui!

Quer ficar bem informado sobre o que acontece na sua cidade, bairro ou região? Então, siga as redes sociais da Gazeta Regional e fique por dentro das principais informações de sua região, Brasil e do mundo.

Deputa Federal Renata Abreu Visita Engenheiro Coelho
Jornal Gazeta Regional

Gazeta Regional trazendo sempre o melhor conteúdo para você.

Gostou da novidade? Então, clique aqui para receber gratuitamente os principais conteúdos da Gazeta Regional no seu celular. Tudo no conforto de suas mãos, em apenas um toque, você ficará muito bem informado. Quer saber mais sobre Notícias de Campinas e Região? Clique aqui

Continue lendo
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Últimas Notícias