Conecte-se conosco

Jaguariúna

Eleições 2020: Entrevista com pré-candidato a prefeito de Jaguariúna, Du Corrêa

Paula Partyka

Publicados

em

O Jornal Gazeta Regional dá início a série de entrevistas com os nomes colocados a pré-candidatos de Jaguariúna, nas eleições de outubro

Paula Partyka – [email protected]

Jaguariúna tem seis nomes colocados como pré-candidatos a prefeito nas eleições municipais deste ano, sendo eles Gustavo Reis (MDB), que concorre à reeleição, Alberto Rizzoni (PSD), Davi Neto (PTB), Du Corrêa (PTC), Gabriel Tenan (PP) e Fernando Husch Pereira (PSDB). Para melhor informar o seu leitor, a Gazeta Regional lança uma série de entrevistas com todos os nomes.

A série tem início com o pré-candidato do Partido Trabalhista Cristão (PTC), Du Corrêa. Ele fala sobre sua vida política, profissional e pessoal. Confira.

Gazeta Regional: O seu nome é um dos que estão colocados hoje para uma possível candidatura a prefeito de Jaguariúna, nas eleições de outubro. Como o senhor avalia essa possibilidade?

Du Corrêa: Para mim, essa possibilidade é bastante concreta, já que me apresento como pré-candidato e fui candidato em 2016. A partir de lá, eu só segui determinado em seguir com essa postura e segui. Lá eu era candidato e agora me coloco como pré-candidato.

Eu me apresento porque eu acredito em mudança. Jaguariúna vivência uma alternância de dois grupos. É grupo A e grupo B. Vemos isso basicamente desde 1980. Eu acho que a ausência de renovação é nociva, então precisamos de novos ares e novas perspectivas sobre a coisa e acabar com a acomodação administrativa que nós estamos.

Então, por acreditar em renovação e necessidade de mudança é que eu me apresento. E eu digo para todo mundo: nós cidadãos não podemos mais ficar nos omitindo. Enquanto nos mantivermos afastados, nós permitimos que a política como é hoje vai permanecer.

Se você se considera boa pessoa e correto, você tem que parar de pecar pela omissão, se apresentar, tomar o lugar para nós conseguirmos transformar a sociedade em algo descente. Se você não muda nada muda.

Gazeta Regional: O senhor se considera preparado para assumir uma possível candidatura a prefeito? Por quê?

Du Corrêa: Essa é a parte mais importante. Eu digo o seguinte, eu tenho experiência profissional. Sou advogado há 21 anos e antes trabalhei no comércio outros 14.

Então, eu sou formado em Direito e também sou técnico em contabilidade. Tenho experiência profissional e formação educacional, então eu tenho todo o preparo necessário para Jaguariúna.

Gazeta Regional: Como está sua articulação política dentro do partido e que chances o senhor vê de conseguir disputar a eleição?

Du Corrêa: Dentro do partido não temos problema nenhum, temos só certezas e convicções. Estamos alinhados com a direção estadual. Conversamos a respeito desse projeto de levar a candidatura adiante e obtivemos apoio. Eles foram bastante assertivos e convictos: vocês tem o nosso apoio, desenvolvam o projeto de vocês e levem a diante.

Gazeta Regional: Existem disputas internas que podem inviabilizar sua candidatura?

Du Corrêa: Não. Somos unanimes quanto ao nosso propósito. Todos remamos na mesma direção.

Gazeta Regional: Na sua avaliação, quais os atributos que um bom prefeito deve ter?

Du Corrêa: Liderança, capacidade de ouvir os diversos interesses, ter experiência profissional e conseguir gerir uma cidade do tamanho de Jaguariúna. Essa experiência profissional não pode faltar.

Gazeta Regional: Quais áreas da Administração o senhor vê como prioridade na gestão pública? Por quê?

Du Corrêa: É o básico, clichê. No meu governo eu entendo que é saúde e educação. Saúde estamos falando do bem estar de todos os nossos cidadãos. As pessoas tem que ter boa condição de vida.

A educação reflete em higiene, saneamento e estamos tratando do futuro de Jaguariúna e do Brasil. Saúde e educação são os dois pilares dos quais eu não abro mão.

Gazeta Regional: Jaguariúna tem se destacado nos cenários regional, estadual e nacional em várias áreas, como saúde, educação e segurança. O senhor avalia que é possível melhorar ainda mais esses índices? De que forma?

Du Corrêa: Melhorar sempre é possível. Para o melhor não tem limite. Você pode sempre melhorar criando novos mecanismos, ampliando atendimentos, levando os atendimentos mais próximos do cidadão. No meu governo, por exemplo, eu pretendo aumentar a quantidade das Unidades Básicas de Saúde (UBS), levar a saúde até o bairro implementando equipamento e médico.

Sempre podemos melhorar aquilo que está bom e o que não está bom, também dá para melhorar. Melhorar sempre é possível.

Gazeta Regional: Quais as suas principais sugestões para a cidade, como pré-candidato a prefeito?

Du Corrêa: Precisamos implementar todas essas questões. A saúde, educação e transformar e aproveitar o potencial que temos. Isso é função do poder público.

Gazeta Regional: Fale um pouco sobre a sua família e vida pessoal.

Du Corrêa: Sou cristão, de todas as formas. Cuido da minha mãe, acompanho sempre. Tenho um bom relacionamento com todos da família, é tudo tranquilo.

Sou Técnico em Contabilidade e depois que me formei fiz Análise de Sistemas por dois anos e depois me formei em Direito. Eu gostava muito de jogar bola, mas o peso dos anos acabou comigo. Meu joelho me abandonou mas eu não saio do campo, sou quase um treinador, mas não saio do campo.

Continue lendo

Jaguariúna

Jaguariúna volta a vacinar contra Covid quem tem entre 43 e 49 anos nesta sexta

Redação Gazeta Regional

Publicados

em

A vacinação das pessoas que tem entre 43 e 49 anos contra o coronavírus será retomada nesta sexta-feira, 25, em Jaguariúna. A Secretaria Municipal de Saúde de Jaguariúna deve receber 810 doses da vacina enviadas pelo Governo do Estado de São Paulo e todas elas serão aplicadas exclusivamente na população desse grupo.

Além disso, a equipe da saúde ainda tem outras doses que, nesta sexta-feira, serão usadas para vacinar os seguintes grupos:

Gestantes e puérperas com ou sem comorbidades. (Apresentar o cartão pré-natal ou certidão de nascimento do filho);
Pessoas com comorbidades de 18 a 49 anos (Apresentar comprovante médico);
Deficientes permanentes de 18 a 59 anos. (Necessário apresentar comprovação médica. Não precisa ter BPC, por ser condição permanente não há prazo de validade para o relatório médico);
Pessoas com Síndrome de Down de 18 a 59 anos;
Transplantados de 18 a 59 anos;
Motoristas ou cobradores de ônibus com “QR Code” validado para Jaguariúna;
2ª dose de acordo com o grupo prioritário.

A Campanha de Vacinação contra a Covid-19 em Jaguariúna acontece nesta sexta no Parque Santa Maria das 15h às 19h. Vale destacar que nesta data não serão vacinadas as pessoas que têm mais de 50 anos, profissionais da educação e da saúde.

Para se vacinar
É preciso apresentar documento com foto, comprovante de residência e o Cartão Cidadão. Também é necessário fazer o pré-cadastro no site da Prefeitura no link “Cidadão”.

Continue lendo

Jaguariúna

Fachada do Hospital Walter Ferrari ganha obra de revitalização

Redação Gazeta Regional

Publicados

em

Doação foi realizada pela empresa Flextronics

A fachada do Hospital Municipal Walter Ferrari começou nesta semana a passar por uma revitalização geral. A obra – que inclui limpeza e pintura – foi doada à Prefeitura de Jaguariúna pela empresa Flextronics, que tem sede na cidade.

Segundo o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Social, Lúcio Tomasiello, que intermediou a doação do serviço, a obra deve durar aproximadamente 15 dias.

Em março deste ano, a Prefeitura lançou uma campanha de arrecadação de recursos para o Hospital Municipal. Desde então, a campanha “Empresa Amiga do Hospital Municipal” já recebeu o apoio de vários empresários locais e conseguiu arrecadar produtos como álcool em gel.

A ação é realizada pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Social. Para participar, o interessado precisa entrar em contato através do telefone (19) 3837-4480 ou pelo e-mail [email protected] Pessoas físicas também podem participar da campanha.

Continue lendo

Jaguariúna

Prefeitura de Jaguariúna adota programa para regularização fiscal

Redação Gazeta Regional

Publicados

em

A Prefeitura de Jaguariúna irá adotar o Programa de Incentivo à Regularização Fiscal (Refis) para estimular o pagamento de débitos tributários e não tributários no município e a regularização da situação fiscal de contribuintes inadimplentes. O programa prevê descontos em juros e multas nos débitos que variam de 20% a 80%. A lei complementar nº 360, aprovada por unanimidade pela Câmara Municipal, foi sancionada nesta segunda-feira, 21, pelo prefeito Gustavo Reis.

Além dos descontos, a lei prevê que os débitos podem ser pagos em até 120 parcelas e inclui as entidades assistenciais da cidade nos benefícios. A adesão de pessoas físicas e jurídicas ao programa poderá ser feita a partir da publicação da lei complementar até o dia 20 de dezembro de 2024.
“Essa é mais uma medida da Administração que visa ajudar os contribuintes num momento de pandemia, em que muitas pessoas e empresas passam por dificuldades financeiras devido às restrições impostas pelas regras da quarentena do coronavírus”, explica o prefeito Gustavo Reis.

Para a aprovação da lei, foram realizadas diversas reuniões entre parlamentares e representantes da Secretaria de Finanças, num esforço conjunto entre Executivo e Legislativo.

Segundo a proposta, as dívidas com o Município poderão ser pagas à vista com 65% de desconto nas multas e juros ou em parcelas, cujo abatimento nos juros e multas varia de 20% a 30%. Já os contribuintes proprietários de um único imóvel (destinado à sua moradia) poderão pagar débitos à vista com desconto de 80% de multas e juros ou em parcelas com desconto de 50% nas multas e juros.
Neste caso, para poder se beneficiar, o contribuinte deverá atender a um dos seguintes requisitos: a) possuir terreno com área igual e inferior a 250 m² e construção de até 100 m²; ou b) com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos; ou c) aposentado; ou d) portador de doença crônica prevista no artigo 151, da Lei Federal 8.213, de 24 de julho de 1991.

Foto: Ivair Oliveira

Continue lendo
Propaganda

Categorias

Últimas Notícias