Conecte-se conosco

Amparo

Amparo tem 40 vagas para Bolsa Trabalho, que atende público que está desempregado

Redação Gazeta Regional

Publicados

em

Bolsas de R$535, são destinadas preferencialmente para mulheres, público que mais perdeu emprego com a pandemia

Amparo aderiu ao programa Bolsa Trabalho, que disponibiliza 40 vagas para a população desempregada, com prioridade para mulheres. A iniciativa desenvolvida pelas secretarias de Desenvolvimento Econômico e de Governo do Estado em parceria com municípios cadastrados no programa, tem objetivo de promover a retomada de emprego e renda e vai impactar, direta e indiretamente, cerca de 120 mil pessoas apenas no ano de 2021.

O Bolsa Trabalho vai oferecer bolsas no valor de R$535 por mês aos cidadãos que realizarem atividades de trabalho em órgãos públicos municipais e estaduais. A carga horária será de 4 horas diárias, cinco dias por semana, e o benefício poderá ser pago por cinco meses consecutivos. Além disso, os participantes realizarão um curso de qualificação profissional e receberão apoio à empregabilidade, por meio dos Postos de Atendimento ao Trabalhador (PATs).

Os inscritos podem escolher seis opções de cursos profissionalizantes virtuais da Univesp (Universidade Virtual do Estado de São Paulo), com duração de 80 horas:

• Auxiliar de Controle de Produção e Estoque

• Gestão Administrativa

• Gestão de Pessoas

• Organização de Eventos

• Rotinas e Serviços Administrativos

• Secretariado e Recepção

Quem pode se inscrever?

Serão aceitas inscrições de moradores do estado de São Paulo, desempregados, maiores de 18 anos e com renda familiar de até R$ 550 por pessoa (equivalente a meio salário mínimo). Os cidadãos elegíveis devem se inscrever no portal do Bolsa do Povo entre 24 e 30 de agosto: www.bolsadopovo.sp.gov.br . A seleção ocorrerá até 4 de setembro e a convocação será feita por meio de publicação no Diário Oficial.

Continue lendo

Amparo

Previsão do tempo para Amparo para os próximos três dias

Redação Gazeta Regional

Publicados

em

Nesta quinta-feira, 02, o sol predomina entre poucas nuvens durante a maior parte do dia. A partir da tarde, o tempo abafado favorece a formação de nuvens carregadas que provocam pancadas de chuva rápidas e isoladas, mas com baixo potencial para acumulados elevados.

Na sexta-feira, 03, as condições continuam favoráveis para predomínio de sol entre poucas nuvens durante a manhã e pancadas de chuva e trovoadas isoladas entre período meio da tarde e noite, porém com baixos acumulados de chuva.

Continue lendo

Amparo

Vice-prefeito de Amparo esteve reunido com alunos do Ensino Médio

Redação Gazeta Regional

Publicados

em

Gilberto Piassa Filho apresentou projetos do Meio Ambiente e respondeu questionamentos de alunos do Villa Lobos

Na quinta-feira, 25, o vice-prefeito e secretário de Meio Ambiente de Amparo, Gilberto Moreira Piassa Filho esteve no Colégio Villa Lobos. Aos alunos do itinerário formativo Meio Ambiente, Cultura e Desenvolvimento, ministrado pelo professor José Vitor Rossi, o vice-prefeito propôs um diálogo com os estudantes sobre problemas ambientais em Amparo e apresentou algumas propostas da prefeitura para solucioná-los.

Os estudantes do 1° ano do Ensino Médio fizeram diversas perguntas e comentários sobre diferentes temas. Alguns dos temas discutidos foram: volume de lixo produzido em Amparo, represa de Duas Pontes, assoreamento do rio Camanducaia, projeto de recuperação de nascentes, tratamento de esgoto, orçamento da Secretaria de Meio Ambiente, desafios do trabalho na prefeitura, projetos de Educação Ambiental, reativação do Conselho de Meio Ambiente, Programa Município Verde Azul, entre outros.

“O Poder Público necessita estar aberto ao diálogo e prestação de contas à população. Estar reunido com esse grupo de jovens, que logo mais estarão construindo o futuro de Amparo foi sem dúvida, um aprendizado”, ressaltou o vice prefeito e secretário de Meio Ambiente.

Continue lendo

Amparo

Superior tribunal de justiça determina que gestão do Hospital Santa Casa Anna Cintra volte a ser municipal

Redação Gazeta Regional

Publicados

em

De acordo com decisão proferida pelo EXMO. Ministro do Superior Tribunal de Justiça, Humberto Martins, as irregularidades praticadas pela antiga administração do Hospital são inegáveis; Confira a nota na íntegra:

Após decisão judicial do Superior Tribunal de Justiça na tarde de hoje, o Hospital Santa Casa Anna Cintra volta a ter gestão municipal. De acordo com a decisão, as irregularidades praticadas pela administração do hospital são inegáveis e estavam levando a entidade ao seu fechamento e desabastecimento do serviço público de saúde, com risco de vida aos usuários.

Entre as irregularidades citadas no documento estão irregularidades na aplicação de recursos públicos, desvio de finalidade, inconsistência de documentos que deveriam comprovar gastos, inadimplência com prestadores de serviços e remuneração mensal dos dirigentes superior a R$23 mil reais.

No dia 13 de outubro, o Juiz de direito Dr. Fernando Leonardi Campanella concedeu a tutela provisória de urgência da Santa Casa Anna Cintra para a prefeitura, e concluiu que o hospital não apresentava controle de sua situação financeira. Entretanto, um mês depois, no dia 12 de novembro, o Tribunal da Justiça do Estado de São Paulo suspendeu a decisão liminar que determinava a intervenção municipal na Santa Casa, e com isso o hospital voltou ao comando da direção anterior. Hoje, 25 de novembro, o Superior Tribunal de Justiça suspendeu a suspensão da liminar e a prefeitura volta à gestão da Santa Casa Anna Cintra.

No final de setembro, a Prefeitura de Amparo ingressou na justiça com um pedido de intervenção no Hospital Santa Casa Anna Cintra devido a possíveis irregularidades na aplicação de recursos públicos e a grave crise financeira do hospital com diversas dívidas, acarretando risco de desassistência à população. Durante o mês de intervenção, as dívidas do hospital estavam sendo apuradas e giravam em torno de R$30 milhões.

Além disso, a Santa Casa conta com 277 protestos registrados em cartório em seu desfavor, que juntos somam mais de R$900.000,00 em dívidas, e na prestação de contas de convênios da entidade com o SUS, cerca de R$3.300.000,00 em gastos não foram devidamente justificados pela atual diretoria até o momento.

O hospital Santa Casa Anna Cintra é o maior do Circuito das Águas Paulista e o único com estrutura para atendimentos via SUS de diversos procedimentos essenciais e específicos, como urgência, emergência, UTI e cirurgias, além de ser a principal referência de média e alta complexidade de municípios como Amparo, Monte Alegre do Sul, Serra Negra e Santo Antônio de Posse.

Continue lendo
Propaganda
Propaganda

Categorias

Propaganda

Últimas Notícias