ERRATA: DAE e Guarda Municipal de Jaguariúna orientam população sobre uso consciente da água

No dia 15 de setembro a Gazeta Regional publicou a matéria com o título “DAE e Polícia Municipal de Jaguariúna orientam população sobre uso consciente da água“. No entanto, o órgão que tem competência de zelar o patrimônio público da cidade é a Guarda Municipal, pois não existe “polícia municipal”.

O Departamento de Água e Esgoto (DAE) de Jaguariúna orienta a população sobre o uso consciente da água para evitar o desabastecimento neste período de estiagem. A Guarda Municipal também deve intensificar as rondas com o objetivo de identificar possíveis abusos no uso do líquido pelos consumidores.

Em um primeiro momento, o trabalho é realizado no sentido de orientar as pessoas que forem flagradas utilizando indevidamente água potável – como, por exemplo, lavando calçadas e veículos com água corrente – para que evitem o desperdício. Caso haja reincidência, o departamento deve aplicar multa aos infratores, de acordo com a Lei Municipal nº 2.250, de 2014. O objetivo é evitar o desperdício para que não falte água em nenhuma região da cidade.

“Já orientamos as patrulhas para que orientem a comunidade quanto ao desperdício de água na cidade. Os policiais municipais estarão verificando pessoas lavando carros na rua, lavando calçadas, entre outras situações”, diz o secretário de Segurança Pública de Jaguariúna, Renato José de Almeida Chaves Filho, o Tenente Renato.

PLANTÃO
O DAE informa ainda que os moradores que tiverem problemas com abastecimento podem entrar em contato com a equipe de plantão 24 horas, sete dias por semana, pelos telefones 3867-4228 e 3867-4224. Para denúncias anônimas de mau uso da água e outras informações, os consumidores podem entrar com contato pelos telefones 3867-4226 e 3837-4359, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

× Fale com a Gazeta