Expoflora tem ingressos promocionais a R$20; saiba como comprar

O evento acontece de 28 de agosto à 27 de setembro de 2020, de sexta a domingo, das 9h às 19h

Se o plano é visitar a maior exposição de flores e plantas ornamentais da América Latina, então pode ir se preparando. Começou nesta terça-feira, 10, a venda de ingressos para a 39ª edição Expoflora, que acontece de 28 de agosto a 27 de setembro, em Holambra.

Até o dia 27 de maio as entradas estão com desconto de 64% e custam apenas R$20. O preço na bilheteria é de R$56.

Os ingressos podem ser comprados até por unidades no site www.ingressorapido.com.br e por meio dos representantes informados no site da Expoflora 2020 (www.expoflora.com.br).

Descontos escalonados

As vendas antecipadas são promocionais e escalonadas até o dia 20 de agosto. No período de vendas do primeiro lote, será oferecido ainda mais um desconto de 20% sobre o preço promocional para pagamentos até 27 de maio e para visitas nas datas referentes à primeira semana do evento (28, 29, 30 de agosto) e às sextas-feiras (dias 4, 11, 18, 25 de setembro).

Parada das Flores é uma das atrações da Expoflora, em Holambra

Nessas condições o ingresso custa somente R$ 16 no primeiro lote para grupos (no mínimo 15 pessoas). Esse desconto extra é concedido também nestas datas para o “Passeio Turístico” e para as refeições (grupos de 25 pessoas). As compras devem ser feitas apenas na Central de Reservas (veja números abaixo).

Para o segundo lote, disponível no período de 28 de maio a 24 de junho, o ingresso custa R$22 (60% de desconto). No terceiro lote, de 25 de junho a 22 de julho, o valor é de R$25 (55%) e, no quarto e último lote, no período de 23 de julho a 20 de agosto, o ingresso custa R$27 (51%).

Ingressos para grupos

As vendas dos ingressos para grupos são realizadas a partir de 15 pessoas, por meio da Central de Reserva: (19) 3802-1421, (19) 3802-1499, (19) 3802-1499, (19) 98115-1294, (19) 98114-9783 e (19) 98168-3600, de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h, ou e-mails: [email protected] e [email protected]

× Fale com a Gazeta