Confusão na Rodovia SP-304 quase acaba em tragédia

Um caminhoneiro, o ajudante dele e policiais civis e militares se envolveram em uma confusão em plena rodovia Luiz de Queiroz, a SP-304, entre Piracicaba e Santa Bárbara d’Oeste, na altura do Km 149. A trapalhada aconteceu no início da tarde de quarta-feira, 23, e quase acabou em tragédia.

O motorista do caminhão trafegava pela rodovia, na faixa da esquerda, quando uma viatura de transportes de presos da Polícia Civil, transportando dois detentos se aproximou e pediu passagem. O motorista não deu e na sequência, a viatura da Polícia Civil e a escolta da PM se deslocaram para a faixa da direita para fazerem a ultrapassagem.

No momento em que passavam pelo caminhão, o ajudante do motorista se assustou com um policial armado e pensou que se tratava de um roubo. O caminhoneiro, com medo, jogou o veículo em cima da viatura. Os policiais, por sua vez, pensando se tratar de uma tentativa de resgate de presos, atirou em um dos pneus.

A confusão, porém, não acabou por aí. Na sequência, o caminhoneiro parou o veículo no acostamento e, juntamente com o ajudante, saíram em disparada em meio a um matagal às margens da rodovia. Os policiais civis, também encostaram a viatura e acionaram a Polícia Militar. Os policiais chegaram e começaram a fazer as buscas no terreno.

Em meio a tudo isso, os dois detidos seguiam no interior da viatura da Polícia Civil parada no acostamento da rodovia.  Quando perceberam a quantidade de policiais na área, inclusive com o voo rasante do Grupamento Aéreo da PM, a dupla decidiu ir ao encontro dos policiais e explicaram que só agiram desta maneira por pensarem que estavam sendo vítimas de roubo.

Depois do mal entendido e de toda a confusão causada na rodovia, os policiais civis escoltaram o caminhão até Piracicaba, onde foi feito um Boletim de Ocorrência. Ninguém ficou ferido na ação.

Fonte: CBN Campinas

× Fale com a Gazeta