Iniciada as obras de reforma da sede dos Museus Histórico e da Porcelana de Pedreira

Por meio de recursos do Fundo Estadual de Defesa dos Interesses Difusos (FID), gerido pela Secretaria da Justiça e Cidadania, o prédio que sedia os Museus Histórico e da Porcelana de Pedreira começou a ser reformado pela Prefeitura municipal. Segundo o projeto, além das reformas necessárias também devem ser implantados elementos de Acessibilidade e prevenção de Combate a Incêndio.

Na esteira da renovação, os Museus de Pedreira passam a ter uma nova identidade visual e expografia, além de digitalizar suas coleções de valor inestimável para permitir que haja pesquisa e intercâmbio com instituições do Brasil e do exterior. Deve ser investido nos serviços de reforma e acessibilidade um total de R$941.485,27 com R$157.485,27 como contrapartida do Tesouro Municipal.

“Os trabalhos foram iniciados com os serviços preliminares, ou seja, forro, infraestrutura, vedação, piso, revestimento, esquadrias, pintura, escada e rampa, cobertura, elevador, instalações hidrossanitárias, elétricas, reparo de trincas, em áreas com infiltrações, prevenção e combate a incêndios e serviços complementares”, ressalta o secretário municipal de Turismo Rodolfo Firmino Souza Rossetti.

Durante o período de reforma do prédio, os Museus de Pedreira estarão funcionando provisoriamente em um imóvel alugado pela Administração Municipal, localizado na Praça Coronel João Pedro, nº 215, casa do primeiro Padre de Pedreira, Alexandrino Feliciano do Rego Barros.

“Esse novo conceito do Museu propiciará que os artistas de Pedreira se integrem com o universo das obras de porcelana no mundo. A uma grande expectativa da comunidade local com os resultados desse novo conceito de Museu”, finaliza o Prefeito de Pedreira, Hamilton Bernardes Junior.

× Chat - Fale com a Gazeta