Aulas de ensino a distância tem início nesta quarta-feira, 13, para alunos da rede municipal de Jaguariúna

Os estudantes podem contar com o apoio dos professores da rede municipal de ensino na plataforma virtual, dentro do seu horário de trabalho

Os estudantes da rede municipal de Jaguariúna começam, nesta quarta-feira, 13, as aulas online na plataforma de ensino a distância (EAD) que contam para a grade do ano letivo. A medida integra o conjunto de ações adotadas pela Secretaria Municipal de Educação para dar continuidade à aprendizagem dos cerca de 9 mil alunos no período de distanciamento social imposto pela quarentena do coronavírus.

A plataforma digital utilizada é o Google Classroom, que pode acessado em casa, gratuitamente, pelos alunos com acesso digital. Os estudantes que não possuem acesso à internet fazem as mesmas atividades, em material impresso, que deve ser retirado pelos pais nas unidades escolares.

Os alunos contam com vários materiais para subsidiar as atividades não-presenciais, como o kit escolar 2020 – que está sendo distribuído – e apostilas. “Destacamos que tais atividades jamais substituirão o papel dos nossos docentes, pois são as intervenções desses profissionais que otimizam a aprendizagem, mas o atual cenário sugere criatividade e novas ações”, afirma a secretária de Educação de Jaguariúna, Cristina Catão.

Os coordenadores pedagógicos, juntamente com os professores, devem controlar o acesso dos alunos no Google Classroom e entram em contato com os responsáveis daqueles que necessitarem de atividades impressas. Os alunos do Centro de Educação de Jovens e Adultos (CEJA) recebem todas as atividades impressas.

Maternal e EMEI

Segundo a Secretaria de Educação, as crianças matriculadas no maternal também serão atendidas nesse momento de isolamento social, com atividades e vídeos que colaboram com o desenvolvimento infantil e serão disponibilizados no hotsite da Educação (https://jaguariuna.sp.gov.br/educaemcasa/). Os alunos das EMEIs (infantil e pré) irão desenvolver as atividades propostas na apostila NAME/Pearson, com os devidos encaminhamentos dos professores.

Os alunos que recebem atendimento especializado receberão as atividades adaptadas, por especialistas, de acordo com as suas necessidades. Os professores também estarão em formação, remotamente, semanalmente, orientados pelos coordenadores das unidades e equipe da secretaria.

“Pretendemos, dessa forma, atender 100% dos nossos alunos, mantendo o vínculo com os estudantes e fortalecendo os laços com as famílias”, conclui a secretária Cristina Catão.

× Chat - Fale com a Gazeta