Governo do Estado atende a pedido de Jaguariúna e garante verba para iniciar construção da nova rodoviária

A Prefeitura de Jaguariúna começa a tirar do papel o projeto de construção do novo terminal rodoviário, uma antiga reivindicação dos moradores da cidade. Durante visita a Jaguariúna para a inauguração da Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI) e Centro de Educação Infantil (CEI) “Dr. José Bonifácio Coutinho Nogueira”, o governador João Doria se comprometeu a viabilizar a execução do projeto, ao lado do prefeito Gustavo Reis.

No evento, Doria assinou a liberação de recursos para o início da obra, da ordem de R$1 milhão, atendendo a um pedido do prefeito. O novo terminal deve ser construído às margens da Rodovia Governador Adhemar Pereira de Barros (SP-340), no Km 133 pista Sul, próximo à empresa Sky e deve atender aos usuários da cidade e ao transporte intermunicipal de passageiros, possibilitando a integração das linhas municipais e rodoviárias com as linhas do sistema metropolitano.

Segundo o secretário de Planejamento Urbano de Jaguariúna, Rômulo Vigatto, o terreno da futura rodoviária tem liberação sem custo para a Prefeitura, dentro do projeto de um loteamento industrial. O novo terminal fica na parte da frente do loteamento, à beira da rodovia. São 18,2 mil m² mais 5,5 mil m² de área verde, totalizando 23,7 mil m² de área total.

“Será um terminal metropolitano, que tem a característica de retirar os ônibus intermunicipais do Centro da cidade.”, diz o secretário. “O prédio terá capacidade para 5 mil pessoas/dia. A Prefeitura já tem o estudo preliminar pronto. Ainda falta fechar o projeto arquitetônico e os projetos complementares”, acrescenta.

Rodoshopping
Vigatto disse ainda que o conceito usado no projeto da obra é de rodoshopping, semelhante ao que já existe em outras cidades, como Campinas. Além da área de estacionamento dos ônibus e guichês das empresas, haverá espaço para lojas, lanchonetes, restaurantes e áreas de descanso.

× Chat - Fale com a Gazeta