Justiça encerra prazo para cadastro da biometria em 23 cidades da região de Campinas

Eleitor que descumprir regra pode ter o título cancelado e restrições na vida civil

A Justiça Eleitoral encerra nesta quinta-feira, 19, o prazo para que eleitores de 23 cidades da região de Campinas façam o cadastro da biometria. Dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) indicam que 260,8 mil ainda precisam realizar o procedimento, sob pena de terem os títulos cancelados. Caso isso ocorra, há impedimento para votar na próximas eleições e ainda são impostas restrições na vida civil.

A lista de municípios onde a biometria é exigida inclui Amparo, Artur Nogueira, Espírito Santo do Pinhal, Estiva Gerbi, Holambra, Hortolândia, Indaiatuba, Itapira, Jaguariúna, Mogi Guaçu, Mogi Mirim, Monte Alegre do Sul, Monte Mor, Morungaba, Paulínia, Pedra Bela, Pedreira, Pinhalzinho, Santo Antônio de Posse, Santo Antônio do Jardim, Socorro, Tuiuti e Valinhos.

O levantamento indica que Monte Alegre do Sul é o município mais próximo da meta, uma vez que 85,36% dos eleitores já têm biometria. Por outro lado, o menor percentual, 68,88%, foi verificado em Hortolândia, onde os eleitores fizeram em grandes filas na manhã desta quinta. A concentração começou desde a tarde de quarta-feira, 18.

Como fazer?

De acordo com o TRE, o eleitor precisa fazer um agendamento para cadastrar a biometria. Caso não tenha acesso à internet, a opção é ir pessoalmente até o cartório eleitoral para escolher dia e horário.

Sem o título, o cidadão fica impedido de votar, pedir passaporte, se inscrever em concursos públicos, pedir empréstimo em banco público ou renovar/fazer matrícula em instituições públicas de ensino.

O registro das digitais está disponível em todas as cidades paulistas e a meta do tribunal é concluir este processo até 2022. A recomendação para eleitores dos municípios deixados de fora da lista é para que também façam o cadastro, antes da obrigatoriedade.

Mais informações podem ser obtidas na Central de Atendimento ao Eleitor, no telefone 148. O número, entretanto, não pode ser usado para agendamento da biometria, destacou o tribunal.

Títulos cancelados na região

O prazo para cadastro obrigatório da biometria em Águas de Lindoia, Lindoia e Serra Negra foi encerrado em 30 de agosto. De acordo com a Justiça Eleitoral, quem deixou de fazer o procedimento precisa ir até o cartório para regularizar o documento ou então tem o título efetivamente cancelado.