Dia da Consciência Negra é comemorado com dois espetáculos gratuitos em Jaguariúna

A data foi incluída no calendário escolar nacional em 2003 e em 2011 a Lei 12.519 instituiu-a oficialmente como o Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra.

Jaguariúna é um dos 102 municípios paulistas, incluindo a capital São Paulo, em que o 20 de novembro é comemorado para lembrar o Dia da Consciência Negra. A data faz parte do calendário oficial de eventos e homenageia a memória de Zumbi dos Palmares. Este ano, duas apresentações foram programadas pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Turismo e Cultura (SETUC), ambas com entrada gratuita para o público.

A programação desta quarta-feira, 20, começa às 19h, concentrada no Teatro Municipal e é livre para todas as idades. Ela começa com o espetáculo “Maracatu do Baque Virado”, que é apresentado pelos alunos da Escola das Artes de Jaguariúna com percussão e bateria sob direção do professor Pedro Ferraz.

Na sequência, sobe ao palco o espetáculo teatral “Sortilégio”, de autoria de Abdias Nascimento e encenado por alunos do curso de teatro da Escola das Artes. A direção é de Marcelo Masselani.

Para conferir as duas atrações o público precisa comparecer à bilheteria do teatro com pelo menos meia hora de antecedência, para a retirada dos ingressos.