TV Artes em conjunto com a UniFaj marca presença na Feira SET EXPO 2019

A equipe acompanhou as novidades do setor audiovisual e tecnologias

Da redação
A Feira SET Expo 2019, considerado o maior evento de tecnologia e negócios de mídia e entretenimento da América Latina, aconteceu entre os dias 27 e 29, no Expo Center Norte, em São Paulo. A equipe de direção da TV Artes, em conjunto com a Escola de Negócios do Centro Universitário de Jaguariúna (UniFaj), marcaram presença no evento e acompanharam as novidades do setor audiovisual e inovações na forma de produzir conteúdo.
Em estimativa, o SET Expo reuniu 150 expositores, que representam mais de 400 marcas nacionais e internacionais e que exibem os mais recentes produtos, serviços e negócios de mídia e entretenimento audiovisual. Em média, cerca de 15 mil visitantes passaram pela Feira e foram movimentados cerca de US$ 20 milhões.
Em um só lugar, o diretor da TV Artes, Rogério Guimarães e supervisor de pós, Jonas Simina, encontraram as principais tendências tecnológicas para criação, produção, distribuição e transmissão de conteúdo audiovisual. Representando a UniFaj, o coordenador da Escola de Negócio, Rogério Gomes e o editor, João Paulo, também tiveram a mesma oportunidade.
“É indiscutível que nesse evento se encontraram os maiores proprietários de emissoras de TV e rádio do mundo. Ali estão expostas as últimas tecnologias em equipamentos e a tendência mundial que é transmissão por internet, que já é uma realidade. As pessoas estão vendo que não tem para onde fugir e com isso a TV tem que se adequar”, explica o diretor da TV Artes.
O professor Rogerio, considera que a participação na Feira, para a TV, é importante pelo contato e acesso ao que tem de novidades para melhorar estrutura e potencial das transmissões, qualidade e conteúdo do que é produzido. “No caso da Escola de Negócios, que é uma parceira da TV Artes e que fica dentro do Campus I da UniFaj e temos alguns programas juntos com a preocupação de gerar conteúdo de qualidade voltado ao ensino e empreendedorismo, saber dessas novas tecnologias e estar mais próximo desse mercado de audiovisual nos deixa também com mais criatividade e com visão de tendências de cenário. Também o conhecimento da parte de equipamentos que estão disponíveis no mercado e que de repente melhorar a infraestrutura dos programas”, diz.
Ele considera ainda, que foi uma visita enriquecedora e importante pelas dicas que não precisam necessariamente de investimento. Além de ideias que surgem ao se deparar com tantas tecnologias e dicas de pessoas qualificadas da área audiovisual.