Novembro Azul: UBSs têm programação especial para cuidar da saúde do homem

Com maior incentivo à prevenção e o diagnóstico precoce do câncer de próstata, diversas entidades realizam campanhas neste mês, conhecido como Novembro Azul. O objetivo é conscientizar a sociedade a respeito de doenças que mais afetam os homens, assim como houve uma maior atenção à saúde das mulheres no Outubro Rosa.

Segundo apontamentos do Ministério da Saúde (MS), o câncer de próstata é o segundo tipo mais comum entre os homens brasileiros (atrás apenas do câncer de pele não-melanoma). O órgão ressalta que, embora a doença seja comum, muitos homens preferem não conversar sobre o assunto por medo ou por falta de informação. As estimativas apontam 68.220 novos casos apenas em 2018.

Em Jaguariúna, a Secretaria Municipal de Saúde está realizando uma série de atendimentos preventivos gratuitos voltados à saúde do homem até o final do mês. Ainda, há destaque para o Dia Mundial do Diabetes que é comemorado anualmente no dia 14 de novembro.

O cronograma de atividades pode ser consultado nos links Cronograma – CÂNCER DE PRÓSTATA – Jaguariúna e Cronograma – DIA MUNDIAL DO DIABETES, e nas UBSs. No caso do diabetes, a programação específica está concentrada no próprio dia 14, exceto na UBS Central, que também realiza ações sobre o tema no mês todo e na UBS Roseira de Baixo, que inclui os dias 12 e 13.

Os atendimentos à população pelas equipes de saúde incluem palestras, rodas de conversa, exames preventivos, testes, busca ativa de novos casos e consultas, nos períodos da manhã e tarde. Segundo os organizadores, no caso de algum diagnóstico positivo ou mediante a apresentação de indícios, o paciente será encaminhado para tratamento.

Para a secretária da pasta, Maria do Carmo de Oliveira Pelisão, câncer e diabetes são duas doenças que merecem muita atenção por parte dos profissionais de saúde: “São doenças silenciosas que podem ser mortais para todos que não cuidarem corretamente. A diabetes, é importante lembrar, pode atingir crianças, jovens e adultos de ambos os sexos”.

Ainda segundo Maria do Carmo, tanto o câncer de próstata quanto o diabetes, quando detectados logo no início, permitem que o tratamento seja iniciado e o paciente possa conviver com essas doenças em boas condições de vida. “Portanto, incentivamos todo e qualquer morador que queira tirar dúvidas a ir à UBS mais próxima de sua casa, onde nossas equipes estão a postos para esclarecer inseguranças e realizar os exames necessários”, conclui.

Diabetes
Segundo o MS, o diabetes é responsável por complicações mais sérias, como doença cardiovascular, diálise por insuficiência renal crônica e cirurgias para amputações dos membros inferiores. O crescimento do diabetes é uma tendência mundial, devido ao envelhecimento da população, mudanças dos hábitos alimentares e prática de atividade física.
Entre 2006 e 2016, o número de brasileiros com diabetes aumentou 61,8%. Ou seja, a doença que antes atingia 5,5% da população, agora acomete 8,9%. Entre as mulheres, o índice é de 9,9% e, entre os homens, de 7,8%. Os dados são da pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel) do Ministério da Saúde.

Câncer de próstata
Existem alguns fatores que podem aumentar as chances de um homem desenvolver a doença, destacados pelo Ministério da Saúde:
– Idade: o risco é maior entre os mais velhos. No Brasil, a cada dez homens diagnosticados com câncer de próstata, nove têm mais de 55 anos.
– Histórico de câncer na família: homens cujo pai, avô ou irmão tiveram a enfermidade antes dos 60 anos fazem parte do grupo de risco.
– Sobrepeso e obesidade: Pesquisa realizada na Universidade de Oxford aponta maior risco de câncer de próstata em homens com peso corporal elevado.

Cronograma – DIA MUNDIAL DO DIABETES

Cronograma – CÂNCER DE PRÓSTATA – Jaguariúna

Reportagem: Viviane Westin – com informações da Prefeitura Municipal de Jaguariúna / Foto: Samuel Oliveira (PMJ)