Prefeitura de Holambra realiza fiscalização ambiental em postos de combustíveis da cidade

Procurando identificar contaminações por resíduos perigosos que possam ocorrer eventualmente em postos de combustíveis, a Prefeitura de Holambra realizou no mês de julho, em estabelecimentos locais, visitas de inspeção para entender o modelo de gestão desses materiais em cada um dos postos.

A ação atende às orientações da diretiva “Uso do Solo”, do Programa Município Verde Azul, do Governo do Estado. Durante a fiscalização, o departamento municipal de Agricultura e Meio Ambiente solicitou aos responsáveis pelos postos de abastecimento o Certificado de Movimentação de Resíduos de Interesse Ambiental (CADRI), documento emitido pela CETESB que aprova o encaminhamento de matérias a locais de reprocessamento, armazenamento, tratamento ou disposição final.

O diretor municipal da pasta, Nilson Marconato, comenta que entre os impactos negativos causados pela atividade das unidades de combustíveis ao meio ambiente no âmbito local estão incêndios ou explosões, derramamento de produto combustível, armazenamento inadequado de produtos, emissão de produtos químicos no ar, alto consumo de água para lavagem do posto e automóveis, ruídos excessivos, entre outros.

“Fiscalizar o destino correto de resíduos nos postos é essencial para evitarmos problemas futuros em nosso município e para garantir a qualidade do solo e do ar para as famílias holambrenses”, explica. Nenhum estabelecimento foi autuado.