Guarda Municipal monitora praça na Vila Guilherme contra tráfico de drogas

A praça “Celso Ataliba de Moraes”, espaço público para uso da população, na Vila Guilherme, em Jaguariúna, passou a ser monitorada pela Guarda Municipal (GM) para evitar que o local continue a ser ponto de venda e uso de entorpecentes, conforme denunciado por moradores a GM.
O trabalho começou a dar resultados. Isto porque, quando estava próximo do local, na sexta-feira, 3, os guardas da viatura da Ronda Ostensiva Municipal (Romu) foram avisados por um moradores que havia duas pessoas na praça, possivelmente, vendendo drogas.

Ao chegar ao local, conforme informações registradas no Boletim de Ocorrências (BO), os guardas encontraram uma mulher e um homem. Ao se aproximarem, os guardas viram a mulher se abaixando e teria pego algo em uma das mãos. Ao verificam, constataram que ela tinha em uma das mãos 28 pedras, aparentando ser de ‘crack’.

Os guardas municipais disseram na Delegacia, na elaboração do BO, que no local, onde a mulher mexia, ainda havia, num tubo de PVC, mais 28 porções da mesma substância, e ainda 43 tubos microtubos, contendo uma substância branca, aparentando cocaína. Já com a mulher, em sua cintura, conforme registrado, foi encontrado o montante de R$ 313.

A mulher ainda tentou justificar que a droga era para consumo próprio. Já o rapaz, que estava no local, nada foi encontrado em seu poder. Ele alegou que apenas passava pelo local, sendo ouvido na Delegacia e liberado. A mulher foi presa em flagrante, em tese, por tráfico de drogas, e encaminhada para audiência de custódia.